Ações de mineradoras cripto voltam a subir, após grande queda em maio

15/06/2021 - 14:47
Traduzido e editado por Vitória Tonetti Martini
Bitcoin Gráfico2
O reaquecimento de parte do mercado cripto será suficiente para que o preço do bitcoin volte a subir? (Imagem: Pixabay/Marinefreex)

As capitalizações de mercado das três maiores empresas de mineração cripto de capital aberto se recuperaram nas últimas três semanas, após terem caído durante o mês de maio.

Segundo o gráfico elaborado pelo The Block, as capitalizações de mercado da Riot Blockchain, Marathon Patent Group e Canaan subiram cerca de 49% desde 21 de maio. 

A Riot Blockchain teve o maior crescimento, saindo de US$ 2,08 bilhões para US$ 3,4 bilhões no momento, o que representa um aumento de 63%. A Marathon também teve crescimento notável, de aproximadamente 55%. 

Conforme noticiado pelo The Block em março, as empresas de mineração de bitcoin (BTC) tornaram-se mais voláteis que o próprio bitcoin. Por exemplo, a Riot Blockchain, em 2020, foi avaliada em US$ 200 milhões, mas, em fevereiro de 2021, a empresa chegou à avaliação recorde de US$ 6,12 bilhões. 

Apesar das menores avaliações, as mineradoras cripto superaram o desempenho do bitcoin no ano passado. Enquanto a criptomoeda cresceu 334%, em 2020, quatro empresas – Marathon, Riot Blockchain, Hive e Canaan – viram o preço de suas ações disparar ainda mais. 

A Marathon lidera o ranking, com um aumento de 3.119% em 2020.

O crescimento dessas capitalizações de mercado acontece no momento em que a repressão à mineração de bitcoin na China está começando a aumentar a produção da taxa de hash do bitcoin pelo mundo.

Os pools de mineração que oferecem serviços a clientes chineses tiveram reduções significativas na taxa de hash, enquanto que empresas de mineração cripto com sede nos Estados Unidos, como a Riot, estão expandindo suas operações.

Em seu relatório do primeiro trimestre de 2021, a chinesa Canaan também observou que as vendas internacionais de equipamento para mineração cripto representaram 78% de sua receita

O preço do bitcoin também se recuperou um pouco nos últimos tempos. 

Depois de alcançar US$ 64 mil e cair para a casa dos US$ 30 mil, a criptomoeda chegou à marca dos US$ 40 mil novamente. 

Gostou desta notícia? Baixe o nosso app para ler, em apenas um clique, esta e mais de 150 matérias diárias.

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
theblockcrypto.com © 2020 - The Block Crypto, Inc. All rights reserved. Todos os direitos reservados.

Última atualização por Vitória Tonetti Martini - 15/06/2021 - 14:47

Pela Web