AgroTimes

Amazônia francesa? Macron diz que país faz parte do bioma e pede adesão à OTCA; entenda

30 ago 2023, 12:14 - atualizado em 30 ago 2023, 12:28
Emmanuel Macron
Lula diz que França faz fronteira com a Amazônia; em novembro, tema pode voltar a ser discutido em nova reunião da organização (Imagem: REUTERS/Benoit Tessier)

O presidente da França, Emmanuel Macron, disse nesta semana que quer a adesão na Organização do Tratado de Cooperação Amazônica (OTCA), já que, segundo ele, o país faz parte da Amazônia.

“Declaro solenemente que a França é candidata a participar da OTCA e desempenhar um papel integral nela, com uma representação que esteja estreitamente associada à Guiana Francesa”, afirmou Macron durante discurso na última segunda-feira (28).

Localizada na América do Sul e fazendo fronteira com o Amapá, a Guiana Francesa é um território ultramarino da França.

O presidente Lula, que chegou a convidar Macron para uma reunião, que aconteceu em agosto, disse que o país europeu faz fronteira com o bioma justamente por conta do território.

No dia da primeira reunião da Cúpula da Amazônia, com membros da OTCA, Lula afirmou que o encontro marcava um antes e um depois, além de defender uma nova governança mundial pela Organização das Nações Unidas (ONU) e maior atenção ao clima.

Formada por oito países, a organização conta com a participação dos países que contam com áreas do bioma. Sendo assim, fazem parte do OTCA: Brasil, Bolívia, Colômbia, Equador, Guiana Francesa, Peru, Suriname e Venezuela.

Apesar do convite, Macron não participou da Cúpula da Amazônia realizada em Belém (PA). Em novembro, entrada da França no grupo pode voltar a ser discutida durante nova reunião da organização

Alguns especialistas enxergam a fala do chefe de estado francês como tentativa de “internacionalização” do bioma.

Repórter
Formado em Jornalismo pela Universidade São Judas Tadeu. Atua como repórter no Money Times desde março de 2023. Antes disso, trabalhou por pouco mais de 3 anos no Canal Rural, onde atuou como editor do Rural Notícias, programa de TV diário dedicado à cobertura do agronegócio. Por lá, também participou da produção e reportagem do Projeto Soja Brasil e do Agro em Campo.
Linkedin
Formado em Jornalismo pela Universidade São Judas Tadeu. Atua como repórter no Money Times desde março de 2023. Antes disso, trabalhou por pouco mais de 3 anos no Canal Rural, onde atuou como editor do Rural Notícias, programa de TV diário dedicado à cobertura do agronegócio. Por lá, também participou da produção e reportagem do Projeto Soja Brasil e do Agro em Campo.
Linkedin
Giro da Semana

Receba as principais notícias e recomendações de investimento diretamente no seu e-mail. Tudo 100% gratuito. Inscreva-se no botão abaixo:

*Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.