AMD não irá restringir a mineração de ether em sua nova placa de vídeo

19/03/2021 - 12:02
Jogadores irão se beneficiar mais do novo modelo da AMD do que mineradores de ether (Imagem: AMD)

A gigante empresa de hardwares AMD não planeja implementar nenhuma limitação artificial aos recursos de mineração de suas placas de vídeo (GPUs), em entrevista ao site PC Gamer referente à sua nova placa Radeon RX 6700 XT, noticia o Decrypt.

“A resposta curta é ‘não’. Não iremos bloquear qualquer sobrecarga para a mineração nesse sentido”, disse Nish Neelalojanan, gestor de produtos na AMD.

Nvidia, adversária da AMD, anunciou que iria implementar restrições em novas GPUs para limitar a mineração de ether (ETH). Porém, a empresa acidentalmente publicou uma versão para desenvolvedores do driver que permitia a ultrapassagem dessa limitação na taxa de hashes.

Mineradores chineses de ether não conseguem “crackear”
o limitador de hashes da Nvidia

AMD, por sua vez, não quer atrapalhar a mineração de cripto, segundo Neelalojanan, apesar de a empresa querer otimizar os chips para jogadores:

Claramente, jogadores irão obter mais benefícios disso, e não será ideal para o processo de mineração. Dito isso, nesse mercado, é sempre algo divertido de acompanhar.

Assim, a nova GPU da AMD pode ser usada para mineração, mas não é a melhor opção. Radeon RX 6700 XT apresenta uma taxa entre 58 e 64 MH/s para a mineração de ether enquanto o RTX 3090 de 24 GB da série GeForce da Nvidia pode chegar a 120 MH/s.

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 19/03/2021 - 13:50

Pela Web