Artista digital lança token que só pode ser comprado com “queima” de NFTs

13/04/2021 - 12:03
Traduzido e editado por Vitória Tonetti Martini
Token e plataforma de “queima” de NFTs criados por Pak podem ser vistos como uma tentativa de criação de uma criptomoeda diretamente ligada à arte digital (Imagem: Twitter/Pak)

O artista digital Pak lançou uma plataforma de queima de token não fungível (NFT), chamada “burn.art”, e um token nomeado “ASH”. 

Um porta-voz de Pak e da casa de leilões Sotheby’s disse ao The Block que “burn.art” permite qualquer detentor de NFT queimar seus tokens e, em troca, obter ASH.

“Queimar” se refere a um processo de remoção permanente de um token cripto da circulação, ou, neste caso, de um NFT ligado a um determinada obra digital de arte ou de mídia.

De um certo modo, o projeto liderado por Pak aparenta ser tanto uma performance como também uma tentativa de criar uma moeda digital especificamente ligada à arte.

Talvez, reverberando esse posicionamento, detentores de NFT que queiram destruir seus tokens para obterem ASH serão questionados pelo “burn.art”: “O que você valoriza mais: a arte ou o token?”

Quando questionado por que alguém queimaria seus próprios NFTs, o porta-voz disse ao The Block: “Em coleções futuras de NFT do Pak, os compradores poderão escolher aceitar somente ASH como meio de troca. Por ser uma moeda apermissionada, ASH poderá ter sua própria ascensão.”

Qualquer artista, casa de leilão ou colecionador de arte poderá decidir, no futuro, se deseja aceitar ASH como uma moeda, acrescentou o porta-voz.

Segundo o porta-voz do artista, ASH é um token padrão ERC-20 na rede Ethereum, sendo que o único modo de obtê-lo, neste momento, é por meio da queima de outros NFTs na “burn.art”.

A taxa de conversão entre NFT e ASH será determinada por uma curva de ligação (“bonding curve”), a qual equilibra o preço conforme a quantidade disponível, apesar de que as especificidades das taxas não estavam claramente definidas até este momento.

“Quanto maior a quantidade de NFTs queimados, menor a quantia de ASH gerada por cada NFT”, afirmou o porta-voz. Os detentores de NFTs criados por Pak, no entanto, irão gerar “mais ASH que NFTs que não são do artista”. 

Atualmente, Pak está vendendo NFTs da “The Fungible Collection”, em colaboração com a casa de leilões Sotheby’s, exclusivamente na plataforma Nifty Gateway, da corretora Gemini. O leilão começou ontem (12) e será finalizado amanhã (14).

O lançamento da plataforma “burn.art” ocorre logo após a primeira venda Open Edition da “The Fungible Collection”. A edição teve 19.880 unidades de “Cubos” vendidos, cada um no valor de US$ 500, totalizando US$ 9,9 milhões. O leilão ficou aberto por 15 minutos. 

Participantes do leilão de “The Fungible Collection” poderão queimar seus NFTs na “burn.art”, após esses serem emitidos, por exemplo, depois de 14 de abril, informou o porta-voz ao The Block.

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
theblockcrypto.com © 2020 - The Block Crypto, Inc. All rights reserved. Todos os direitos reservados.

Última atualização por Vitória Tonetti Martini - 13/04/2021 - 12:05

Cotações Crypto
Pela Web