CryptoTimes

Banco Central do Brasil participa de reunião sobre blockchain nos Estados Unidos

21 out 2022, 13:39 - atualizado em 21 out 2022, 13:39
Banco Central regulação criptomoedas
(Imagem: Agência Brasil)

Conforme a Agenda de Autoridades do Banco Central do Brasil desta sexta-feira (21), o diretor de Regulação, Otávio Ribeiro Damaso, participou de reunião em Washington, nos Estados Unidos, sobre regulação cripto.

O encontro foi com Dan Suller, Diretor de assuntos industriais, e Dave Grimaldi, Head de assuntos governamentais do The Blockchain Association.

A reunião estava prevista para começar às 09h e durar uma hora no horário local (das 08h às 09h no Brasil). O evento foi fechado à imprensa e não contou com mais informações.

Interessante ressaltar que Damaso já demonstrou sua visão acerca do assunto no dia 29 de setembro deste ano.

No evento Uqbar Day, coberto pelo Valor, o diretor de regulação disse crer que o futuro das criptomoedas não será 100% descentralizado. “O setor financeiro não vê um mundo 100% descentralizado”, afirmou.

Também cabe lembrar que tanto o Brasil, quanto os Estados Unidos, estão discutindo sobre o tema regularmente de forma independente. A Comissão de Valores Mobiliários publicou na semana passada seu Parecer 40 sobre regulação de criptomoedas.

No mesmo dia, a bloomberg notociou uma suposta investigação liderada pelo órgão equivalente americano, a SEC, para compreender sobre a classificação dos NFTs do Bored Ape.

Securities Tokens e SEC: entenda o que pode estar por vir na regulação cripto dos Estados Unidos

Prêmio Os + Admirados da Imprensa!

O Money Times é finalista em duas categorias do Prêmio Os + Admirados da Imprensa de Economia, Negócios e Finanças. O site concorre na categoria Canais Digitais e com o jornalista Renan Dantas na categoria Jornalistas Mais Admirados. Deixe seu voto aqui!

Disclaimer

Money Times publica matérias informativas, de caráter jornalístico. Essa publicação não constitui uma recomendação de investimento.

Repórter do Crypto Times
Jornalista formado pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Repórter do Crypto Times, e autor do livro "2020: O Ano que Não Aconteceu". Escreve sobre criptoativos, tokenização, Web3 e blockchain, além de matérias na editoria de tecnologia, como inteligência artificial, Real Digital e temas semelhantes. Já cobriu eventos como Consensus, LabitConf, Criptorama e Satsconference.
Twitter Linkedin
Jornalista formado pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Repórter do Crypto Times, e autor do livro "2020: O Ano que Não Aconteceu". Escreve sobre criptoativos, tokenização, Web3 e blockchain, além de matérias na editoria de tecnologia, como inteligência artificial, Real Digital e temas semelhantes. Já cobriu eventos como Consensus, LabitConf, Criptorama e Satsconference.
Twitter Linkedin