Binance.US é alvo de processo judicial coletivo por venda de criptomoedas da rede Terra

The Block
The Block
13/06/2022 - 12:57
Traduzido e editado por Vitória Martini
The Block
Binance.US
O processo contra Binance.US pode ser o primeiro de uma série de reclamações legais motivadas pelo colapso de UST.(Imagem: Twitter/Do Kwon)

Um processo judicial coletivo foi registrado contra a Binance.US, o braço americano da corretora de criptomoedas global Binance, sobre a venda de TerraUSD (UST) e LUNA para compradores nos Estados Unidos.

Registrado hoje (13) no Distrito do Norte da Califórnia, o processo alega que Binance.US vendeu valores mobiliários não registrados para os reclamantes, enganando-os no processo.

O processo também aponta que o modelo de negócios da Binance.US é baseado “na permissão ilegal de venda de valores mobiliários não registrados para a maior quantidade possível de investidores nos Estados Unidos, com a maior frequência possível”.

Em conjunção a isso, os requerentes do processo também alegam que Binance.US promoveu a venda de UST e participou de distribuições de tokens, que eram “configuradas para aumentar o volume em negociação”.

A reclamação de 72 páginas alega que Binance.US listou e vendeu UST, apesar do fato de não ser registrada como uma corretora, o que é uma violação das leis de valores mobiliários dos Estados Unidos, segundo o processo.

Um porta-voz da corretora cripto disse ao The Block que LUNA nunca foi listada na plataforma da Binance.US. Ele também disse que UST foi deslistada da plataforma ontem (12) à noite.

Binance.US é registrada pela Rede de Combate a Crimes Financeiros (FinCEN) e adere a todas as regulações aplicáveis. Essas acusações são sem mérito, e nós nos defenderemos vigorosamente”, disse o porta-voz.

O processo judicial foi comunicado após a “espiral da morte” de UST, a stablecoin algorítmica de Terra, que perdeu mais de US$ 40 bilhões em poucos dias.

Os requerentes do processo exigiram um julgamento por júri para todos os assuntos tidos como passíveis de julgamento.

Vitória da SEC sobre Terraform Labs abre portas
para investigação sobre TerraUSD (UST)

Binance.US pode ser o 1º alvo de processos sobre Terra

O processo coletivo, liderado pelas empresas de advocacia Roche Freedman e Dontzin Nagy & Fleissig, pode ser o primeiro de uma série de reclamações legais motivadas pelo colapso de UST, em maio.

Caso seja bem-sucedido, o processo poderá fazer o que governos até agora não conseguiram fazer: estabelecer parâmetros mais bem definidos sobre o status legal de finanças descentralizadas (DeFi) e quem é culpável quando algo dá errado.

Um dos sócios da Roche Freedman, Kyle Roche, disse no Twitter, nesta segunda-feira:

“Se você comprou LUNA ou UST na Coinbase, Kraken, Binance ou Gemini, por favor, entre em contato com [email protected] . Minha empresa está coordenando um esforço para ajudar aqueles que perderam fundos com o recente colapso de #terra e #luna”.

Siga o Crypto Times no Facebook!

Curta nossa página no Facebook e conecte-se com jornalistas, analistas e leitores do Crypto Times. Nosso time traz as discussões mais importantes do dia e você participa das conversas sobre as notícias e análises de tudo o que acontece no mundo cripto. Siga agora a página do Crypto Times no Facebook!

Disclaimer

O Money Times publica matérias informativas, de caráter jornalístico. Essa publicação não constitui uma recomendação de investimento.

theblockcrypto.com © 2020 - The Block Crypto, Inc. All rights reserved. Todos os direitos reservados.

Última atualização por Vitória Martini - 13/06/2022 - 12:57

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado cripto?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto