Economia

Campos Neto planeja deixar tudo na mão da Inteligência Artificial; veja como vai funcionar

05 set 2023, 14:34 - atualizado em 05 set 2023, 14:34
Superapp do Banco Central juntará todos os serviços e as informações financeiras em um único lugar (Imagem: Apresentação Banco Central do Brasil)

O Banco Central estuda a aplicação da inteligência artificial no “superapp” para incluir um consultor financeiro do futuro, afirmou o presidente do BC, Roberto Campos Neto, nesta segunda-feira (4).

Durante o evento Brazil Payments Forum, promovido pelo JP Morgan, em São Paulo, Campos Neto falou sobre as inovações que a autarquia tem feito para acelerar a digitalização do sistema financeiro brasileiro.

Campos Neto defende a ideia de uma IA dentro do aplicativo que está sendo desenvolvido pelo BC para ajudar e facilitar a vida da população que ainda tem dificuldades em programar pagamentos e organizar suas finanças.

“Ter a inteligência artificial no superapp é um tema que eu tenho olhado mais recentemente. A ideia é você ter um consultor financeiro de coisas básicas para as pessoas que ainda têm muita deficiência para programar seus pagamentos. Isso, junto com o integrador, vai fazer com que as pessoas consigam maximizar seu recurso e sua vida financeira”, disse durante sua apresentação.

O objetivo deste agregador de serviços é centralizar o Pix, o Open Finance e o Drex, além das informações do usuário de todas as instituições bancárias que ele é cliente, em um mesmo lugar.

Veja a apresentação completa do BC no evento

Jornalista formada pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, atua há 3 anos na redação e produção de conteúdos digitais no mercado financeiro. Anteriormente, trabalhou com produção audiovisual, o que a faz querer juntar suas experiências por onde for.
Jornalista formada pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, atua há 3 anos na redação e produção de conteúdos digitais no mercado financeiro. Anteriormente, trabalhou com produção audiovisual, o que a faz querer juntar suas experiências por onde for.