Corretoras cripto estão ajudando neobanco alemão a oferecer serviços nesse setor

06/07/2021 - 16:16
Traduzido e editado por Vitória Martini
N26
O neobanco N26 está, atualmente, expandindo sua equipe de desenvolvimento da plataforma para impulsionar a criação do produto cripto (Imagem: N26/Divulgação)

Avaliado em US$ 3,5 bilhões, o neobanco alemão N26 está planejando lançar ferramentas de negociação de criptomoedas, como parte de uma nova iniciativa de mercado. 

Um porta-voz da instituição financeira disse ao The Block que a empresa está trabalhando com “grandes corretoras cripto” para o lançamento do novo produto. Porém, ainda não foi divulgado quais são as parceiras com as quais o neobanco está trabalhando.

“Planejamos oferecer ferramentas cripto por meio de uma plataforma, integrando elementos da experiência de uma corretora cripto aos recursos bancários e orçamentários do N26”, acrescentou o porta-voz.

A notícia da expansão cripto do N26 foi divulgada primeiro pelo site de notícias alemão Finance FWD, a qual afirmou que os clientes do neobanco poderão negociar bitcoin (BTC) e outras criptomoedas até o final deste ano. 

De acordo com o porta-voz da instituição financeira, o N26 está, atualmente, expandindo sua “equipe de desenvolvimento da plataforma” para impulsionar a criação do produto cripto.

“É nosso objetivo nos tornarmos o aplicativo de referência para as finanças de nossos clientes. Queremos que os clientes possam acessar todos os seus serviços financeiros em um só lugar, sem precisarem fazer login em vários lugares diferentes. Isso irá incluir produtos de previdência, empréstimos, negociações, impostos e cripto”, acrescentou o porta-voz.

N26 é um dos maiores neobancos da Europa, com investidores que incluem Valar Ventures, de Peter Thiel; Tencent; e GIC, o fundo soberano de riquezas de Cingapura. O neobanco alemão arrecadou € 744 milhões (quase US$ 879 milhões) em investimentos privados até o momento. 

Outra fintech entra no mercado cripto 

Desde o final do ano passado, quando o bitcoin e outras criptomoedas aumentaram de preço, empresas de tecnologia financeira (“fintech”) estão se apressando para adicionar novas ferramentas de negociação cripto a seus aplicativos. 

Em fevereiro deste ano, o The Block noticiou que Plum e Freetrade, dois aplicativos de investimentos do Reino Unido, estavam contratando especialistas em cripto para expandirem suas ofertas.

No mesmo mês, o aplicativo móvel de serviços bancários MoneyLion anunciou planos para um novo conjunto de produtos cripto. Em abril, a neocorretora alemã Trade Republic entrou, oficialmente, no mercado cripto. 

Apesar de o setor cripto estar se tornando cada vez mais movimentado, o N26 parece acreditar que a conveniência de mesclar ferramentas cripto junto ao aplicativo de serviços bancários irá fazer com que se destaque em relação aos demais.

“Ao observar as tendências do consumidor em cripto, bem como as mudanças no cenário de regulamentação, acreditamos que podemos trazer uma grande valorização para nossos clientes, ao tornarmos cripto uma parte da experiência bancária deles conosco. Nosso objetivo é que nossos clientes consigam escolher o melhor produto cripto para eles e que possam ter total controle sobre suas decisões financeiras”, afirmou o porta-voz da empresa.  

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
theblockcrypto.com © 2020 - The Block Crypto, Inc. All rights reserved. Todos os direitos reservados.

Última atualização por Vitória Martini - 06/07/2021 - 16:16

Cotações Crypto
Pela Web