Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Ex-BitGo irá desenvolver tecnologia de escalabilidade para Chainlink

16/10/2020 - 15:43
Escalabilidade é a palavra-chave do setor DeFi pois, conforme cada vez mais pessoas entram para esse universo, mais processamento computacional é necessário para que os serviços continuem rápidos e seguros, lidando com a crescente demanda (Imagem: Crypto Times)

Chainlink anunciou que Ben Chan, ex-diretor de tecnologia da fornecedora de custódia de criptoativos BitGo, será vice-presidente da equipe de engenharia no Chainlink Labs.

Chainlink (LINK) é uma rede descentralizada de oráculos desenvolvida no blockchain Ethereum. para conectar fontes de dados fora do blockchain (“off-chain”) a contratos autônomos no blockchain (“on-chain”). Fornece dados do mundo real, como preço de criptoativos, a aplicações baseadas em blockchain.

Oráculos: os guardiões do blockchain

Com a mais recente contratação, Chainlink poderá desenvolver uma estrutura de escalabilidade para sua rede, podendo diminuir custos de gás para operadores de nós e se preparar para fornecer suporte ainda mais para o crescente setor DeFi, noticia o Decrypt.

Escalabilidade é a capacidade de um sistema ou rede se ampliar e fazer a gestão da crescente demanda. Primeira camada é o termo usado para descrever a arquitetura principal e subjacente do blockchain.

Segunda camada é uma estrutura secundária ou um protocolo secundário criados acima de um sistema blockchain existente, em que o objetivo principal é aumentar a velocidade de transações e resolver as dificuldades de escalabilidade enfrentadas por grandes redes cripto.

Chan irá focar em Threshold Signatures, a solução de escalabilidade de segunda camada da Chainlink que visa atender milhares de clientes de dados entre inúmeros blockchains.

“Estou empolgado em trabalhar com a Chainlink e de ajudar a desenvolver o padrão da indústria para oráculos descentralizados”, disse ele ao Decrypt.

Threshold Signatures (ou “assinaturas-limite”, em tradução literal), irão funcionar de forma similar aos “Optimistic Rollups” testados por clientes da Ethereum, ao reunir dados fornecidos por oráculos descentralizados.

O processo será facilitado porque essas assinaturas irão reunir dados de nós da rede Chainlink e enviar os dados verificados em uma única transação ao usuário final. Isso resultará em menores taxas de gás — taxas pagas a mineradores da Ethereum — e na capacidade de escalar e integrar cada vez mais clientes em diferentes redes blockchain.

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 16/10/2020 - 15:46