“Exageradas”: John McAfee refuta alegações de promoção fraudulenta de cripto

The Block
The Block
08/03/2021 - 11:07
Traduzido e editado por Vitória Martini
The Block
Sob diversas acusações de fraude, o bilionário aguarda extradição para os Estados Unidos (Imagem: Reuters/ScanPix)

Em uma declaração publicada nesse sábado (6), John McAfee chamou de “exageradas” as alegações do governo americano contra ele.

Em dois tuítes, McAfee escreveu: “minha equipe avaliou cada promoção baseada em gerenciamento, planos de negócios e potencial. Ninguém poderia ter previsto a quebra do mercado de altcoins”.

“Nós fomos pagos nas mesmas moedas que quebraram. As alegações da SEC são exageradas”, continuou ele. 

McAfee continuou a declarar que ele “jamais vendeu uma única [cripto]moeda”.

McAfee foi acusado em um processo pela Comissão de Valores Mobiliários e de Câmbio (SEC, na sigla em inglês) dos Estados Unidos, que teve início em outubro de 2020, relacionado às promoções de cripto feitas pelo empresário.

Nessa sexta-feira (5), o Departamento de Justiça dos EUA acusou McAfee por conspirações à fraude de segurança, à fraude eletrônica e lavagem de dinheiro, devido às atividades relacionadas à sua empresa de criptomoedas, conhecida como “McAfee Team”. Outro processo em paralelo foi enviado pela Comissão de Negociação de Futuros de Commodities (CFTC, na sigla em inglês).

Atualmente, John McAfee está preso na Espanha e aguarda sua extradição para os EUA sob outra acusação de evasão fiscal.

theblockcrypto.com © 2020 - The Block Crypto, Inc. All rights reserved. Todos os direitos reservados.

Última atualização por Vitória Martini - 08/03/2021 - 11:07

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado cripto?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto
Pela Web