Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Laboratório nos EUA cria sistema para detectar mineradores ilícitos de criptomoedas

21/08/2020 - 11:52
Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento
Relatórios recentes indicam que supercomputadores acadêmicos são alvo de hackers que instalam hardware para mineração de criptomoedas (Imagem: Unsplash/@bermixstudio)

Los Alamos National Laboratory (LALN), parcialmente propriedade da Administração Nacional de Segurança Nuclear do Departamento de Energia dos EUA, desenvolveu um sistema baseado em inteligência artificial para detectar mineradores ilícitos de criptomoedas.

O sistema foi especificamente criado para agentes maliciosos que desejam atacar supercomputadores para minerar criptomoedas como bitcoin (BTC) e monero (XMR), anunciou o laboratório nessa quinta-feira (20).

Relatórios recentes indicam que supercomputadores acadêmicos são alvo de hackers que instalam hardware para mineração de criptomoedas.

O sistema de inteligência artificial do laboratório depende de comparações gráficas, que são como impressões digitais para software.

“Assim como criminosos humanos podem ser pegos ao comparar os espirais e arcos na ponta de seus dedos com registros em uma base de dados de impressões digitais, o novo sistema de inteligência artificial compara os contornos do gráfico de controle de fluxo em um programa com um catálogo de gráficos para programas que podem ser executados em determinado computador”, afirma o laboratório.

O laboratório reconhece que o sistema pode não ser completamente infalível para todos os contextos, mas ciberdetetives podem usá-lo junto com outras ferramentas para prender cibercriminosos.

Mineração ilícita é comum
em universidades e pequenas empresas

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
theblockcrypto.com © 2020 - The Block Crypto, Inc. All rights reserved. Todos os direitos reservados.

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 21/08/2020 - 11:52