Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Lucro da Alpargatas recua 6,5% no 1° semestre de 2020, amparado pelo e-commerce

05/08/2020 - 8:20
As vendas de Havaianas nos canais online dispararam 205% no 2° trimestre (Imagem: Facebook/Havainas)

Alpargatas (ALPA4), dona das marcas Havaianas e Mizuno, teve lucro líquido consolidado de R$ 67,8 milhões durante o 1° semestre de 2020, uma queda de 6,5% se comparado ao mesmo intervalo do ano anterior, quando a empresa somou R$ 72,6 milhões.

De acordo com o balanço divulgado pela empresa, ao analisar a operação do 2° trimestre, observa-se um salto de 53,1% no  lucro líquido consolidado em relação ao mesmo período de 2019, em que foram reportados R$ 44,5 milhões e R$ 29,1 milhões, respectivamente.

Mesmo em tempos de pandemia do novo coronavírus, a Alpargatas atingiu R$ 681 milhões em receita líquida e teve lucro líquido de R$ 45 milhões.

“As redes sociais foram os principais meios de relacionamento e experiência dos usuários das marcas, gerando tráfego nos sites de e-commerce e ampliando o número de seguidores das marcas”, revela a empresa.

As vendas de Havaianas nos canais online dispararam 205% no 2° trimestre, com alta de 222% só no mês de junho. A aceleração foi resultado do alto retorno dos investimentos em marketing de performance, inovações e performance da cadeia de suprimentos.

As vendas de Mizuno no varejo digital avançaram 80% de abril a junho.

A geração de caixa, medida pelo ebitda, mingou 42% na comparação com ano passado, marcando R$ 64,7 milhões e R$ 119, milhões, respectivamente. No acumulado dos primeiros seis meses de 2020, também houve queda de 42,7%.

Alpargatas ganha espaço em carteira recomendada

Alpargatas toma lugar da Magazine Luiza em carteira recomendada (Imagem: Divulgação/Havaianas)

Ativa Corretora retirou as ações da Magazine Luiza (MGLU3) da carteira recomendada semanal e deu entrada nos papéis da Alpargatas.

O portfólio, composto por cinco ações, obteve rentabilidade de 1,35% ante os 0,52% no Ibovespa (IBOV).

Para conferir a composição completa da carteira, basta clicar aqui.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Lucas Simões - 05/08/2020 - 8:26