Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

MakerDAO se torna o primeiro protocolo a ultrapassar US$ 1 bilhão em valor bloqueado

27/07/2020 - 7:48
Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento
MakerDAO é uma organização descentralizada que se dedica a levar estabilidade à economia cripto; seu protocolo é o maior do setor DeFi (Imagem: Twitter/MakerDAO)

MakerDAO, protocolo de empréstimos não custodial, se tornou o primeiro protocolo descentralizado no setor de finanças descentralizadas (DeFi) a atingir US$ 1 bilhão em valor total bloqueado.

O marco histórico indica que usuários da MakerDAO têm US$ 1 bilhão equivalentes em fundos bloqueados no protocolo para fins de empréstimo.

Agora, com esse recorde, MakerDAO domina o setor DeFi com quase 28% de participação, segundo o site DeFi Pulse.

MakerDAO é seguida de Compound e Synthetix, que têm US$ 764 milhões e US$ 423 milhões em valor total bloqueado, respectivamente. Aave, Balancer e Curv Finance fazem parte dos dez principais protocolos.

Ao todo, protocolos DeFi têm mais de US$ 3,60 bilhões em valor total bloqueado. Não levou muito tempo para que esses protocolos atingissem esse número. No último dia 7, o valor total bloqueado era de US$ 2 bilhões e, em fevereiro deste ano, estava em US$ 1 bilhão.

É preciso considerar o valor total bloqueado com cautela, pois não leva em consideração parâmetros especificamente verticais, como volumes de corretoras descentralizadas (DEXs).

O índice Open Finance Index (OFI) do The Block, desenvolvido por Matteo Leibowitz, considera esses parâmetros para refletir o contexto verdadeiro do ecossistema DeFi.

OFI disparou — em mais de dez vezes — em menos de um mês.

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
theblockcrypto.com © 2020 - The Block Crypto, Inc. All rights reserved. Todos os direitos reservados.

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 27/07/2020 - 7:48