Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Manipulação de mercado? Alto preço por bitcoin na Coreia do Sul é corrigido

07/04/2021 - 16:19
Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento
Na última segunda-feira, o preço do bitcoin estava sendo negociado a US$ 75 mil, ou seja, US$ 18 mil a mais do que o preço “real” no restante do mundo (Imagem: Crypto Times)

O governo sul-coreano se compromete a focar em atividades ilegais nos mercados cripto.

A Comissão de Serviços Financeiros da Coreia do Sul, o Ministério das Finanças, o Ministério da Justiça, dentre outros reguladores, se uniram nesta quarta-feira (7) para discutir a negociação de criptoativos. Em seu anúncio após a reunião, as autoridades escreveram:

Iremos reprimir atividades ilegais relacionadas a transações, como manipulação de preços no mercado, lavagem de dinheiro e evasão fiscal usando criptoativos por meio da cooperação com a política, a promotoria e autoridades financeiras.

Além disso, as autoridades mencionaram um aumento nas tentativas de monitorar transações cripto para facilitar a coleta de imposto de renda sobre ganhos com criptomoedas, uma política que entrou em vigor no início de 2021.

Após a reunião e o anúncio oficial de criptomoedas estão na mira da ação regulatória, o chamado “prêmio Kimchi”, o custo elevado do bitcoin (BTC) na Coreia do Sul, sofreu uma queda:

(Imagem: TradingView)

O anúncio desta quarta-feira parece ter revertido uma tendência no prêmio Kimchi.

É importante destacar que nenhuma das agências envolvidas na reunião parecem ter sugerido mudanças às leis ou regulamentações do país. Meramente confirmaram um novo foco em aplicar provisões existentes.

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
theblockcrypto.com © 2020 - The Block Crypto, Inc. All rights reserved. Todos os direitos reservados.

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 07/04/2021 - 16:19