Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Nova bifurcação da rede Steem deseja confiscar ativos de mais de 60 contas

20/05/2020 - 8:06
Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento
O drama da Steem não acaba: após a bifurcação para o blockchain HIVE pelos opositores à aquisição da Steemit pela Tron, a comunidade original deseja “expulsá-los” e confiscar seus ativos retidos na rede (Imagem: Crypto Times)

As “testemunhas” (“witnesses”), validadores da rede Steem, planejam realizar uma bifurcação drástica (do inglês “hard fork”) nesta quarta-feira (20) para apresentar duas novas mudanças.

A mais aceitável delas irá reduzir o tempo de espera para o desbloqueio de STEEM tokens e staking (chamado de “powering down”, ou “desligamento”) de treze semanas para apenas quatro.

A segunda mudança, de acordo com uma entrevista com “Triple A”, um validador da rede, deseja confiscar as contas e ativos de quem “representar uma ameaça” ao blockchain Steem. O site Decrypt estima que os ativos em staking totalizam cerca de US$ 5 milhões.

Dentre as 65 contas (de acordo com uma publicação nesta terça-feira) são os validadores da Steem acusados de se opor à aquisição da Steemit Inc. pela Tron e organizar a bifurcação para o blockchain HIVE no dia 20 de março.

Triple A afirma que essas contas continuam a atormentar a rede, danificando a estabilidade do blockchain e atacando publicamente os usuários, “justificando” a bifurcação desta quarta-feira.

As acusações contra os organizadores da rede Hive são no mínimo questionáveis, pois não há indícios que sustentem essas acusações.

Segundo o Decrypt, os confiscos poderiam ser uma retaliação contra os apoiadores do Hive, excluindo validadores específicos da Steem de participarem do airdrop (“bonificação”) do token HIVE.

De qualquer forma, esse dilema é outro choque contra a viabilidade dos sistemas de proof-of-stake delegado (DPoS), que não conseguiram evitar, de forma adequada, que validadores formem cartéis e explorem a rede.

Por que as “testemunhas” que saíram do Steem continuariam a deter ativos na Steem? O motivo não tem nada a ver com o período de desligamento mencionado acima. Stakers de STEEM devem esperar 13 semanas para desbloquear completamente seus ativos retidos.

O conflito interno na Steem começou quase no fim de fevereiro, ou seja, há umas 12 semanas, e qualquer “testemunha” que não tivesse imediatamente começado o desligamento ainda teria ativos retidos na rede.

Contas que possuem acesso a seus fundos, negociar STEEM por HIVE se tornou bem mais difícil, já que o serviço de câmbio BlockTrades encerrou o suporte para depósitos em STEEM devido ao sigilo por trás da bifurcação de hoje.

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 25/06/2020 - 23:55