Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Nova-iorquino é acusado de roubar US$ 4,5 milhões em esquema de fraude cripto

17/07/2020 - 7:49
Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento
O acusado afirmava facilitar empréstimos em criptoativos, mas foi descoberto pelo FBI após ter roubado mais de US$ 4,5 milhões (Imagem: Freepik/macrovector)

Um nova-iorquino foi preso nessa quinta-feira (16) por acusações de realizar um esquema de fraude que obteve mais de US$ 4,5 milhões em criptoativos.

Um processo criminal enviado em 9 de julho acusava Jae Woo Kim, 27, por fraude bancária, segundo o promotor americano David L. Anderson e o agente do Departamento Federal de Investigação (FBI, na sigla em inglês) John L. Bennett.

Kim se apresentou diante da juíza Sallie Kim na manhã dessa quinta-feira para enfrentar as acusações contra ele como resultado de uma investigação do FBI.

A acusação e o depoimento alegam que Kim se apresentava como um negociador de criptoativos para família e amigos a partir de outubro de 2017. Em seguida, afirmava que facilitava empréstimos para fins comerciais ou de negociação cripto, segundo as vítimas.

Enquanto isso, ele usava criptomoedas — bitcoin (BTC) e ether (ETH) — para realizar transações como parte do esquema e transferia os ativos que recebia na forma de criptoativos ou dólares americanos para sites de aposta estrangeiros.

Em maio de 2020, Kim persuadiu três investidores a financiarem o que ele chamou de “uma operação razoavelmente modesta”, segundo o FBI. Além disso, ele estava tentando solicitar empréstimo de novos investidores desde fevereiro de 2020.

Caso seja condenado, Kim pode receber uma sentença de até 20 anos de prisão e uma multa de US$ 250 mil.

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
theblockcrypto.com © 2020 - The Block Crypto, Inc. All rights reserved. Todos os direitos reservados.

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 17/07/2020 - 8:39