Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

O bitcoin poderá ser “a moeda de escolha para o comércio internacional”, afirma Citi

01/03/2021 - 9:46
Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento
Segundo o Citi, o bitcoin poderá ter um grande papel no comércio internacional em até sete anos (Imagem: REUTERS/Mike Segar)

A gigante empresa bancária Citi confeccionou um novo relatório, sugerindo que o bitcoin pode se tornar em uma “moeda de comércio internacional” conforme evolui.

O relatório, intitulado “Bitcoin: at the Tipping Point” (ou “Bitcoin: o Ponto de Virada”), mapeia a evolução da criptomoeda: de uma forma de pagamento a seu status atual de reserva de valor.

É mais importante o bitcoin ser
uma reserva de valor ou um sistema de pagamentos?

Os autores preveem que as propriedades essenciais do bitcoin, combinadas com o alcance global e a neutralidade, podem transformá-lo na “moeda de escolha” para o comércio internacional em até sete anos.

“Percepções sobre o que torna o bitcoin importante continuam a evoluir e criar novas oportunidades enquanto aumentam sua conscientização para se tornar convencional”, afirma o relatório, acrescentando:

Um foco sobre o alcance e a neutralidade global pode fazer com que o bitcoin se torne uma moeda de comércio internacional.

[O comércio] iria se beneficiar do design descentralizado e sem limites do bitcoin, sua falta de exposição ao câmbio, sua velocidade e sua vantagem de custo ao movimentar dinheiro, a segurança de seus pagamentos e sua rastreabilidade.

Porém, pesquisadores do Citi destacam várias possíveis barreiras que atrapalham essa visão a se concretizar.

O relatório destacou os problemas de escalabilidade do bitcoin, destacando a análise de 2020, que sugere que o bitcoin pode processar, em média, cinco transações por segundo — que é 4,8 mil vezes menor do que a capacidade da rede Visa.

A crescente adesão do bitcoin por investidores institucionais foi um grande propulsor para o bitcoin no último ano, de acordo com o relatório, mas diversos riscos podem inviabilizar a adesão.

Para investidores institucionais, incluem preocupações sobre a eficiência de capital, seguros e a custódia, segurança e considerações de ESG [sustentabilidade] para a mineração de bitcoin.

O relatório conclui que o bitcoin está “no ponto de virada de sua existência”, destacando que sua evolução terá amplas repercussões.

Confira, abaixo, o relatório do Citi:

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
theblockcrypto.com © 2020 - The Block Crypto, Inc. All rights reserved. Todos os direitos reservados.

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 01/03/2021 - 9:46