Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Prejuízo da Restoque salta 8.249% em 2020, e totaliza R$ 293,6 milhões

31/03/2021 - 9:46
Restoque LLIS3 Varejo Moda
A receita líquida de vendas da varejista de moda recuou 19% no último trimestre e 36% na soma de 2020 (Imagem: Unsplash/@charlesdeluvio)

Restoque (LLIS3), dona da Le Lis Blanc e da Dudalina, teve prejuízo líquido de R$ 29,9 milhões no quatro trimestre e saldo negativo de R$ 293,6 milhões no acumulado de 2020, com operações afetadas pela pandemia de Covid-19.

No ano passado, o prejuízo saltou 8.249% na comparação com 2019, quando o saldo era de menos R$ 3,1 milhões.

O EBITDA Ajustado (lucro antes de impostos) teve saldo positivo de R$ 28,3 milhões no intervalo de outubro a dezembro. Segundo a companhia, o desempenho é decorrente do equilíbrio maior na geração de margem bruta ajustada (60%) e da disciplina nas despesas.

A receita líquida de vendas da varejista de moda recuou 19% no último trimestre e 36% na soma de 2020, ao totalizar R$ 203,1 milhões e R$ 598,8 milhões, respectivamente.

Em setembro passado, a Restoque concluiu o seu processo de recuperação extrajudicial, com 87% dos credores se manifestaram favoráveis ao plano.

O plano envolveu a renegociação de R$ 1,436 bilhão em dívidas, montante total devido a instituições financeiras.

Com o arroxo dos casos de coronavírus no Brasil a partir de março, a agência de classificação de risco Fitch Ratings avalia empresas que atuam em segmentos não essenciais, principalmente de vestuário, com as mais impactadas pelas novas medidas de restrição de circulação.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Lucas Eurico Simões - 31/03/2021 - 9:46

Pela Web