Raízen afirma que pretende protocolar pedido de IPO junto à B3 nos próximos dias

01/06/2021 - 8:41
a Raízen disse ainda que decidiu descontinuar projeções financeiras para alinhar sua política de divulgações a procedimentos adotados por seus auditores e consultores na preparação para o IPO (Imagem: Divulgação/Raízen)

A empresa brasileira de energia Raízen pretende entrar nos próximos dias com pedido para realização de uma oferta inicial pública de ações (IPO, na sigla em inglês), disse a companhia em fato relevante na noite de segunda-feira.

Joint venture entre o grupo brasileiro de infraestrutura Cosan e a petroleira anglo-holandesa Shell, a Raízen disse ainda que decidiu descontinuar projeções financeiras para alinhar sua política de divulgações a procedimentos adotados por seus auditores e consultores na preparação para o IPO.

A Raízen informou que “possui a intenção de protocolar perante a Comissão de Valores Mobiliários (CVM), nos próximos dias”, o pedido de registro do IPO da Raízen Combustíveis, com listagem de ações preferenciais no Nível 2 da bolsa B3.

A companhia acrescentou que o preço de venda das ações e a quantidade de papéis a serem negociados na oferta ainda serão oportunamente fixados por seu conselho de administração.

A Cosan (CSAN3) informou em março que havia contratado consultores para preparar uma eventual oferta de ações da Raízen, joint venture da empresa com a Shell nos setores de açúcar, etanol, bioenergia e distribuição de combustíveis.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado agro?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Rafael Borges - 01/06/2021 - 10:01

Cotações Crypto
Pela Web