Três passos que podem te ajudar a não se desesperar (tanto) com investimentos em cripto

Messari
22/02/2021 - 16:23
Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento
Confira, neste artigo por Ryan Selkis, da Messari, dicas de investimentos a não serem levadas tão à risca, mas que podem ajudar a amenizar sua preocupação (Imagem: Unsplash/executium)

Algo que aprendi da pior forma: é bom ser honesto sobre o quanto você pode investir em cripto. Não apenas de início, mas ao longo do tempo, conforme você acumula taxas de transação, responsabilidade fiscais e — caso você não esteja usando nenhum tipo de alavancagem — pagamentos de juros.

Se isso parecer muito simples, é bem mais difícil pôr isso em prática do que se parece, pois grande parte de nós tenta ignorar as responsabilidade fiscais quando estamos no meio da capitalização em um efervescente mercado de alta e as taxas de juros / gás são meramente um custo ao fazer negócio.

Mas pode ser desastroso perder de vista seu saldo verdadeiro e seus ganhos ou perdas no meio do caminho, dado o quão rápido as coisas podem acontecer. Fomos lembrados de quão rápido as coisas podem passar por correção nesta manhã.

Por não ser bom em investimentos, mas ter aproveitado as recompensas de continuar em mercados de baixa multianuais, eu tenho um sistema de minimização de arrependimento do ciclo de alta que é fácil o suficiente de se compreender e seguir.

Confira cinco maneiras de lidar
com os altos e baixos do mercado cripto

Tenho certeza de que muitas pessoas estão ganhando uma fortuna maior de dinheiro do que a mim, então esses não são conselhos de investimento, mas sim um conjunto de medidas de segurança ao estilo “se beber, não dirija”.

São três passos que eu tomo que não arruinam a minha vida, mas não também capturam vantagens se o preço continuar disparado:

É sempre importante lembrar de não ir com sede ao pote; não é porque você tem US$ 10 mil que irá investir tudo isso num ativo só. Estude quais ativos te interessam e divida a quantia investida em pequenas porcentagens (Imagem: Unsplash/executium)

1) Eu gosto de cripto e acredito em seu panorama de dez anos.

Eu cuido das minhas responsabilidades pessoais, incluindo IMPOSTOS SOBRE GANHOS, e considero o que estou disposto a perder hoje desse montante — digamos, US$ 50 mil, que eu sei que é um número alto, mas pode ser uma quantia média para a nossa base de inscritos na Messari Pro e é mais fácil de arredondar — e o coloco em uma grande pilha.

Mesmo se eu quiser negociar essa quantia de forma agressiva, eu pego 60% dessa quantia e divido 80% em BTC e 20% em ETH e esqueço dela por um ano. Se duplicar e eu vender daqui a um ano, estarei satisfeito e só pagarei pouco sobre os ganhos a longo prazo.

2) Eu tenho US$ 20 mil restantes. Logo de cara, eu tenho de escolher: ativos? Setores? Ambos? No meu caso, eu provavelmente escolheria setores. Redes de primeira camada triplicaram e quintuplicaram de valor.

Não seria mais uma grande jogada de valor relativo vs. ETH? E as redes de segunda camada? Alguns dos melhores especuladores que eu conheço estão seguindo no variante valor relativo do “grande meteoro de dinheiro”, com uma efetividade impiedosa.

Eu tento não investir no meme mais recente com medo de “perder a chance”. Se algo parece interessante a longo prazo, eu vou comprar um pouco mesmo se ele disparar entre os principais criptoativos e me esquecer dele.

Não é porque um ativo disparou bastante que não é caro negociá-lo. Estude bem a taxa de cada plataforma e organize os ganhos sobre esses criptoativos (Imagem: Unsplash/Executium)

3) Eu tendo a fazer apostas mais arriscadas a curto prazo logo no início do ano porque eu tenho muito tempo para planejar as consequências fiscais e fazer outras vendas para compensar as perdas. Se eu for derrotado em algo, eu posso desconsiderá-lo em comparação aos ativos vencedores.

Não sou tímido em relação a fundos cripto que copiam estratégias de investimento a curto prazo porque é uma estratégia meio idiota, mas é um item útil de pesquisa. A desvantagem é que, em um mercado de baixa, você é deixado para trás por uma “baleia”. Você acha isso divertido?

Esse é o mais próximo que eu vou chegar de uma sala on-line de bate-papo e publicar NÃO PERCA ESSA OPORTUNIDADE, e você verá que não existe uma estratégia ativa aqui, e sim recomendações de proteção.

Cripto é arriscado. Não invista mais do que você pode bancar. Aproveite os grandes projetos se decidir obter exposição a setores. Planeje seus impostos e taxas ao minimizar o número de posições que você tem e pense em vendas que compense seus impostos e na memética em um mercado de hipercrescimento.

E pelo amor de deus, não venda seus ativos.

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 22/02/2021 - 16:23

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado cripto?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto
Pela Web