Versão beta de plataforma de NFTs da gigante Ubisoft chega ao Brasil nesta quinta-feira

07/12/2021 - 16:04
Tom Clancy's Ghost Reckon Breakpoint Ubisoft
A plataforma Ubisoft Quartz permitirá aos usuários receber e comprar itens dentro do jogo, que serão tokenizados como NFTs dentro do Tezos (Imagem: Tom Clancy’s Ghost Reckon Breakpoint/Reprodução)

De acordo com o Decrypt, a gigante do setor de games Ubisoft parece estar levando os tokens não fungíveis (NFTs, na sigla em inglês) em jogos a um nível mais alto. A empresa irá implementar NFTs dentro de uma das suas maiores franquias, em uma iniciativa que opera no blockchain Tezos (XTZ).

A criadora por trás de videogames conhecidos, como Assassin’s Creed e Just Dance, divulgou, nesta terça-feira (7), a plataforma Ubisoft Quartz, que permitirá aos usuários receber e comprar itens dentro do jogo, que serão tokenizados como NFTs dentro do Tezos.

Segundo o Decrypt, o jogo que irá inaugurar a nova plataforma será o “Tom Clancy’s Ghost Recon Breakpoint” em sua versão para computadores. A versão beta da plataforma chegará na próxima quinta-feira (9) a diversos países, como França, Alemanha, Bélgica, Estados Unidos, além do Brasil.

A distribuição dos NFTs estará disponível para os usuários de Ghost Recon Breakpoint que já tiverem alcançado o nível 5 do XP. A gigante dos games ressaltou que, para criar uma carteira Tezos no jogo, é preciso ser maior de 18 anos.

De acordo com o Decrypt, a Ubisoft planeja lançar NFTs de graça para os primeiros que aderirem à iniciativa, nos dias 9, 12 e 15 deste mês. Outros lançamentos estão previstos para o ano que vem.

Em uma declaração, o vice-presidente do departamento de inovação estratégica da Ubisoft, Nicolas Pouard, indicou que a companhia também quer entrar para o metaverso. “Ubisoft Quartz é a primeira parte de nossa ambiciosa visão para o desenvolvimento de um verdadeiro metaverso”, disse Pouard.

Esta não é a primeira vez que a empresa se aventura no mundo cripto e dos NFTs. Em 2019, Ubisoft desenvolveu um protótipo de jogo semelhante ao do Minecraft, chamado HashCraft.

Desde então, a companhia tem investido em diversas startups cripto, além de apoiado projetos como Axie Infinity, NBA Top Shot e Nine Chronicles. 

Segundo o Decrypt, embora HashCraft nunca tenha sido lançado, a gigante de games realizou alguns experimentos no mundo cripto, como Rabbids Token – um projeto de NFTs para caridade – e o One Shot League, derivado do popular jogo Sorare.

Última atualização por Vitória Martini - 07/12/2021 - 16:04

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado cripto?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto
Pela Web