Bitcoin cai 11% e chega ao menor valor dos últimos 6 meses

Vitória Martini
21/01/2022 - 10:57
Bear Market
Assim como já observado anteriormente no mercado cripto, outras criptomoedas também seguiram o movimento de queda do bitcoin (Imagem: Freepik/rawpixel.com)

Conforme noticiado pelo Decrypt, o preço da maior criptomoeda do mundo – o bitcoin (BTC) – havia atingido a marca superior aos US$ 43 mil na quinta-feira (20), mas caiu abaixo dos US$ 40 mil. 

Segundo o CoinMarketCap, a queda no preço do bitcoin não parou por aí, atingindo o nível de US$ 37.945. Esse valor representa a menor cotação da criptomoeda desde agosto do ano passado. No momento de publicação desta notícia, a cotação do BTC estava em US$ 38.263.

De acordo com o Decrypt, a queda do bitcoin foi de 11%, mas não se restringiu à criptomoeda.

Assim como já observado anteriormente no mercado cripto, outras moedas também seguiram o movimento do BTC: ether (ETH) caiu 8% nas últimas 24 horas, enquanto binance coin (BNB) perdeu 10% de seu valor. Já cardano (ADA) teve uma queda de 9%.

As quedas no preço das criptomoedas fizeram com que a capitalização do mercado cripto também diminuísse, estando, no momento de publicação desta notícia, em US$ 1,79 trilhão, enquanto que, em novembro do ano passado, estava em US$ 2,93 trilhões.

Segundo o Decrypt, o cenário aparenta estar ruim, de maneira geral, inclusive para o setor tradicional.

O mercado de ações também teve um início de ano difícil, por uma combinação de fatores, que incluem alta inflação e aumentos iminentes das taxas de juros nos Estados Unidos, e escassez de suprimentos e trabalhadores, devido à pandemia de coronavírus.

Última atualização por Vitória Martini - 21/01/2022 - 11:31

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado cripto?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto