Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Bitcoin ultrapassa novamente a faixa dos US$ 12 mil em 2020

21/10/2020 - 9:03
A criptomoeda está há 83 dias acima dos US$ 10 mil (Imagem: Unsplash/@silverhousehd)

Nessa terça-feira (20), o preço do bitcoin ultrapassou a marca dos US$ 12 mil.

Atualmente, a criptomoeda está batendo um número recorde, pois está há 83 dias acima dos US$ 10 mil, segundo o Decrypt.

Métricas de preço do bitcoin (BTC)
mostram forte tendência de alta

“Ultrapassar US$ 12 mil é um grande desafio que foi difícil de alcançar por um tempo. Conforme diversos analistas afirmaram, houve uma resistência significativa nesse nível”, afirmou Jason Deane, analista de bitcoin na Quantum Economics, ao Decrypt.

“Ao meu ver, desenvolver um suporte rápido e forte acima desse nível irá preparar o terreno para outra descoberta de preço com base tanto na análise técnica como nos aspectos fundamentais cada vez mais positivos”, completou ele.

A última vez em que o bitcoin ultrapassou a faixa dos US$ 12 mil havia sido em agosto deste ano. Foi uma montanha-russa de variações de preço, atingindo US$ 12,2 mil (17 de agosto) antes de cair novamente para US$ 11,7 mil (19 de agosto).

Em agosto, o preço do bitcoin variou bastante, mas se manteve acima dos US$ 10 mil (Imagem: Messari)

Esse aumento recente no preço pode ter sido impulsionado pelo investimento institucional de grandes empresas, como MicroStrategy e Square, que diversificaram seu portfólio com a criptomoeda para se proteger da inflação do dólar americano.

Além disso, de acordo com a Glassnode, o número de endereços que possuem mais de 0,1 moedas (pois o bitcoin pode ser comprado em frações) atingiu um recorde acumulado de quase US$ 1,2 mil investido.

Já endereços que possuem mais de 100 moedas atingiu uma alta semestral de quase US$ 1,2 milhão, noticia o Decrypt.

É importante mencionar que o maior produto de investimento da gestora Grayscale, o Bitcoin Trust (GBTC), está em US$ 5,5 bilhões. Assim, as empresas negociadas em bolsa possuem, juntas, uma alocação de quase 786 mil BTC (quase US$ 9,6 bilhões).

Alocação em bitcoin por grandes empresas listadas em bolsa está em quase US$ 9,6 bilhões (Imagem: Bitcoin Treasuries)

Decrypt menciona que as eleições presidenciais dos EUA do próximo dia 3 possam ser um direcionador de preço conforme investidores do mercado tradicional esperam notícias sobre um novo pacote de estímulos fiscais.

Porém, para investidores cripto, pode ser o bitcoin complete seu centésimo dia acima da faixa dos US$ 10 mil no dia 5 de novembro.

5 motivos para investir em bitcoin ainda em 2020

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 21/10/2020 - 9:16