Comissão americana afirma que jovens são mais propensos a cair em esquemas cripto

17/05/2021 - 15:28
Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento
O aumento em esquemas de investimento com cripto corresponde a um período de um crescente e rápido interesse público no investimento de varejo como um todo e, principalmente, em criptomoedas (Imagem: Reuters/Andrew Kelly)

Nesta segunda-feira (17), a Comissão Federal de Comércio dos EUA (FTC, na sigla em inglês) publicou um comunicado sobre fraudes de investimento com criptomoedas.

De acordo com dados compilados entre o quarto trimestre de 2021 e o primeiro trimestre de 2021, a FTC recebeu denúncias de 6.792 esquemas de investimento em cripto, resultando em prejuízos de US$ 80 milhões.

Esse número se compara a denúncias de 570 esquemas que resultaram no roubo de US$ 7,5 milhões em cripto no mesmo período do ano anterior.

Reports and reported losses to cryptocurrency investment scams increased sharply from October 2020 through March 2021
Denúncias e prejuízos informados de esquemas de investimento em criptomoedas aumentaram drasticamente de outubro de 2020 a março de 2021 (Imagem: FTC)

O relatório descobriu que jovens investidores eram mais propensos a se envolverem nesse tipo de esquema de investimento, pois que consumidores entre 20 e 49 anos sejam “mais de cinco vezes propensos” a perder dinheiro em comparação a grupos mais velhos.

Além disso, a FTC disse que “clientes entre 20 a 30 anos perdem mais dinheiro em esquemas de investimento do que qualquer outra forma de fraude”.

O aumento em esquemas de investimento com cripto corresponde a um período de um crescente e rápido interesse público no investimento de varejo como um todo e, principalmente, em criptomoedas.

Os seis meses analisados pela FTC também viram um ciclo de alta inédito no mercado cripto desde 2017 que, junto com a negociação direcionada por memes em plataformas como a Robinhood, atraiu uma gama de jovens investidores.

A FTC também alertou que muitos das denúncias recebidas não eram sobre investimentos, e sim sobre esquemas de “sorteios” por impostores na internet.

Clientes informaram que enviaram US$ 2 milhões a fraudadores que se passavam por Elon Musk, sem mencionar um aumento nos relacionamentos on-line que evoluem para pedidos por transferências de criptomoedas.

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
theblockcrypto.com © 2020 - The Block Crypto, Inc. All rights reserved. Todos os direitos reservados.

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 17/05/2021 - 15:36

Pela Web