GlobalX, subsidiária da Mirae, entra para a lista de espera de ETFs de bitcoin nos EUA

22/07/2021 - 8:04
Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento
Subsidiária da Mirae entra para a longa lista de gestoras que desejam oferecer um veículo de investimento indireto, que forneça exposição ao bitcoin sem que as pessoas tenham que fazer a gestão direta do ativo (Imagem: GlobalX)

GlobalX, fornecedora de fundos negociados em bolsa (ETFs, na sigla em inglês), enviou um pedido para criar um ETF de bitcoin (BTC) à Comissão de Valores Mobiliários e de Câmbio dos EUA (SEC). Caso aprovado, o fundo será negociado na CBOE BZX Exchange.

A nova-iorquina GlobalX oferece 84 EFTs, variando entre fundos de computação em nuvem a cannabis. É responsável por US$ 35 bilhões em ativos sob gestão (AUM).

Em 2018, a GlobalX foi adquirida pela Mirae Asset Global Investments, gestora de investimentos com US$ 560 bilhões na AUM, segundo o site.

A GlobalX entra para a lista de empresas que também enviaram pedidos para a criação de ETFs de bitcoin, incluindo Valkyrie Digital Assets, ARK Investments e Kryptoin.

A SEC ainda não aprovou um ETF de bitcoin para o mercado americano, pois sempre adia decisões de solicitações pendentes.

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
theblockcrypto.com © 2020 - The Block Crypto, Inc. All rights reserved. Todos os direitos reservados.

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 22/07/2021 - 8:04

Cotações Crypto
Pela Web