Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Retorno destes dois fundos imobiliários de shoppings pode superar 15% em 2020

10/01/2020 - 14:42
Shopping Eldorado Ancar Ivanhoe
Retomada do consumo deve beneficiar setor de shoppings (Unsplash/@serjosoza)

Dentro do ambiente dos fundos imobiliários, existem duas formas de remuneração: a direta e a indireta.

A direta ocorre via distribuição de dividendos e depósito de dinheiro na conta. Por sua vez, a indireta se apresenta através da valorização das cotas no mercado.

Ao somar a expectativa de pagamento de dividendos com a projeção de quanto o ativo irá se valorizar no mercado, obtém-se o retorno total.

Shoppings em alta

A equipe de análise do Itaú BBA apresentou suas projeções para 2020 no universo dos fundos imobiliários, recomendando compra a dois específicos: CSHG Brasil Shopping (HGBS11) e HSI Malls (HSML11).

O primeiro fundo, gerido pelo Credit Suisse, possui como preço-alvo para 2020 o valor de R$ 333,00. Caso se materialize a projeção, o ativo poderá subir 15% – de acordo com o fechamento da última quinta-feira (9).

Shopping na zona leste de São Paulo é principal ativo de fundo do Credit Suisse (Imagem: Shopping Penha)

Somado à expectativa de dividend yield (projeção de pagamento de proventos sobre a cotação do ativo no mercado) de 6%, o retorno total pode ser de até 21%.

Retornos em foco

Por sua vez, o fundo imobiliário HSI Malls do Santander possui como preço-alvo o valor de R$ 138,00 – equivalente a upside (potencial de valorização) de 10,8%, segundo o último fechamento.

A projeção de dividend yield é de 6% até o fim deste ano. Desta forma, o retorno total esperado para o fundo imobiliário em 2020 é de 16,8%.

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!

Última atualização por Valter Outeiro da Silveira - 10/01/2020 - 14:42