Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Sequoia foi feita para e-commerce e ações podem disparar 31%

03/02/2021 - 21:30
Sequoia
De acordo com os especialistas, a Sequoia tem um valuation inegavelmente rico em comparação com a maioria dos participantes de logística tradicionais (Imagem: Sequoia/Divulgação)

O BTG Pactual aproveitou uma visita ao megacentro de distribuição da Sequoia (SEQL3) para revisar as estimativas da empresa, mostra relatório enviado a clientes.

Com isso, a corretora elevou o preço-alvo das ações para R$ 38, antes em R$ 28, até o final de 2021, o que implica potencial de valorização de 31% em relação ao último fechamento, com recomendação de compra.

Desde o IPO (oferta pública de ações, em português), os papéis da Sequoia já dispararam 134%.

“O evento foi uma boa oportunidade de testemunhar a complexidade das operações B2C, bem como obter melhor conhecimento da oferta de logística superior da Sequoia”, afirmaram os analistas Lucas Marquiori, Fernanda Recchia e Ricardo Cavalieri.

Espera-se que a legalização das apostas esportivas seja muito significativa aos impostos

Feita para e-commerce

Os analistas destacam que a empresa juntou diferentes tipos de soluções logísticas (B2B, soluções logísticas, serviços de outros tipos de negócios) que resultaram no posicionamento altamente competitivo que a Sequoia possui hoje.

“A combinação dessa ampla gama de segmentos atendidos, com uma rede de distribuição altamente penetrada e um sistema orientado para o cliente e tecnologia, é a base do forte posicionamento da Sequoia”, argumentam.

Ainda segundo a dupla, companhias criadas com uma mentalidade de comércio eletrônico têm uma proposta de valor naturalmente superior para os clientes do mercado. E esse é o caso da Sequoia.

Fama mais que justa

De acordo com os especialistas, a empresa tem um valuation inegavelmente rico em comparação com a maioria dos participantes de logística tradicionais.

Eles acreditam que os investidores devem continuar a atribuir um prêmio de exposição de e-commerce à Sequoia, dada sua exposição a uma indústria de crescimento tão rápido.

“Por se beneficiar diretamente da expansão do ecossistema de comércio eletrônico no Brasil, a empresa merece esse prêmio, ao nosso ver”, dizem.

De encher os olhos

Os analistas ficaram surpresos com que viram no centro de distribuição da empresa. Eles destacaram a crescente automação e o controle do processo, pois a companhia monitora digitalmente toda a operação.

“Durante a visita ao megacentro de distribuição da Sequoia, pudemos ver a complexidade de lidar com diferentes tipos de clientes e mercadorias”, observam.

Tendências

Na visão da dupla, o setor de logística deve continuar se consolidando.

E, com grandes crescimentos, vem grandes aquisições: os provedores de logística serão forçados a fornecer um portfólio maior de serviços se quiserem continuar se expandindo, destacam.

“Outra tendência interessante é o crescimento contínuo de pequenos e médios vendedores, que ainda dependem fortemente de 3PL (fornecedores terceirizados de logística) para atuar no canal de varejo online”, diz trecho do relatório.

Chegou a nova newsletter Comprar ou Vender

As melhores dicas de investimentos, todos os dias, em seu e-mail!
Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Renan Dantas - 17/03/2021 - 1:20

Pela Web