Tether divulga relatório detalhado das reservas de sua stablecoin

13/05/2021 - 10:53
Traduzido e editado por Vitória Tonetti Martini
tether usdt
Quase três meses após acordo com a Procuradoria Geral de Nova York, Tether finalmente cumpre sua parte com a divulgação do relatório de suas reservas (Imagem: Tether)

Pela primeira vez desde seu lançamento em 2014, a emissora de stablecoin, Tether (USDT), divulgou um relatório detalhado de suas reservas.

O relatório, compartilhado com o The Block nesta quinta-feira (13), é datado de 31 de março de 2021. O documento mostra que a Tether tem cerca de 76% de sua reserva em: dinheiro, equivalentes em dinheiro, outros depósitos de curto prazo e títulos comerciais. 

Na verdade, os papéis comerciais formam a maioria das categorias de dinheiro e equivalentes de dinheiro, com uma parcela de 65%. Depósitos fiduciários representam 24% da categoria, notas de acordos de recompra reversa representam 3,6%, contas de investimentos a longo prazo, cerca de 3%, e dinheiro vivo, somente 3,87%.

O relatório

Quando questionado sobre o porquê de o dinheiro vivo formar somente uma pequena parcela das reservas totais, o conselheiro geral da Tether, Stuart Hoegner, disse ao The Block que é “enganoso focar exclusivamente em dinheiro” nas categorias de dinheiro e equivalentes de dinheiro. “Leitores não devem confundir itens fora [da categoria] ‘dinheiro vivo’ com falta de liquidez”, disse ele. 

Quanto aos detalhes dos papéis comerciais, Hoegner se negou a compartilhar os nomes das contrapartes, “por estar alinhado à prática comercial padrão”.

Os outros 25% das reservas

As partes restantes das reservas foram divididas em três categorias: empréstimos com garantia – dos quais nenhum é de entidades filiadas – formando 12,55% do total das reservas; títulos corporativos, fundos de investimentos e metais preciosos formando quase 10%, e outros investimentos, incluindo tokens digitais, totalizando 1,64%. 

Os empréstimos com garantia são emitidos pela Tether, disse Hoegner ao The Block. Quanto à categoria dos títulos, fundos de investimentos e metais preciosos, ele se negou a dar mais detalhes, e quanto aos tokens digitais, disse que se referem exclusivamente a bitcoin (BTC).

“Temos visto o BTC se tornar um componente importante dos balanços de várias grandes corporações, tanto nos mercados públicos quanto nos privados. Isso serve para diversificar o risco”, disse Hoegner. “O uso de BTC e de outras formas de investimento pela Tether estão alinhados com a prática da empresa.”

Segundo dados compilados pelo The Block, a capitalização de mercado da Tether, em 31 de março, era de US$ 42,3 bilhões.

O caminho da Tether para a transparência

Quando a Tether foi lançada, ela afirmou, originalmente, que cada tether estava pareado à proporção 1:1 com o dólar. Em março de 2019, a Tether atualizou seu site para afirmar que “todos os tokens Tether serão 100% atrelados às reservas da Tether”. Mais tarde, foi criada uma página de transparência, indicando os ativos da empresa e as dívidas, medidos em três moedas e em ouro. Porém, até este momento, a empresa não forneceu um relatório detalhado sobre essas reservas. 

O atual relatório das reservas da Tether foi divulgado quase três meses após a empresa ter feito um acordo com a Procuradoria Geral de Nova York para pagar uma multa de US$ 18,5 milhões. 

“A Tether propôs publicar frequentemente um relatório detalhado de suas reservas como parte do nosso acordo com a Procuradoria Geral de Nova York, e nós nos comprometemos a tornar essa informação disponível tanto para a Procuradoria Geral como para o público”, disse Hoegner. “A publicação de hoje reflete a nossa constante dedicação à transparência e a estabelecer uma padrão em nossa indústria.”

O uso de Tether disparou nos últimos meses. Segundo dados compilados pelo The Block, a atual capitalização de mercado é de quase US$ 58 bilhões. 

Na semana passada, o volume anual on-chain ajustado da Tether ultrapassou a marca de US$ 1 trilhão de dólares pela primeira vez. Volume de transação on-chain é qualquer valor transferido dentro de uma rede blockchain, incluindo compras, vendas e remessas.

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
theblockcrypto.com © 2020 - The Block Crypto, Inc. All rights reserved. Todos os direitos reservados.

Última atualização por Vitória Tonetti Martini - 13/05/2021 - 10:53

Pela Web