BusinessTimes

Via (VIIA3), Méliuz (CASH3) e outras empresas para ficar de olho hoje

10 maio 2022, 8:30 - atualizado em 10 maio 2022, 8:31
Megaloja Casas Bahia, Via
Via (VIIA3) encerrou o primeiro trimestre de 2022 com lucro líquido contábil de R$ 18 milhões. (Imagem: Divulgação/Casas Bahia)

Via (VIIA3) e a Méliuz (CASH3) são alguns dos destaques desta terça-feira (10), após a divulgação dos seus respectivos balanços do primeiro trimestre. Outras companhias também movimentam os mercados; confira:

B3 (B3SA3) informou que o volume financeiro médio de ações negociadas encolheu 11,4% em abril ante mesmo período do ano passado. Já o número de investidores de pessoas físicas subiu 1% ante março. O número de empresas listadas caiu 0,9% em relação ao mês anterior.

BB Seguridade (BBSE3), braço de seguros do Banco do Brasil (BBAS3), lucrou R$ 1,2 bilhão no primeiro trimestre de 2022, alta de 21% ante mesmo período do ano passado. O número ficou um pouco acima do consenso de mercado reunido pela Bloomberg, que esperava lucro líquido de R$ 1,1 bilhão.

Sinqia (SQIA3) divulgou seus resultados operacionais do 1T22 nesta segunda-feira (9), reportando números inéditos de crescimento. A receita líquida cresceu 103,5% e atingiu R$ 138,9 milhões em relação ao mesmo período no ano anterior.

Viveo (VVEO3) registrou lucro líquido de R$ 97,004 milhões no primeiro trimestre de 2022, alta de 184,8% ante o mesmo período do ano passado. No critério ajustado, a companhia somou lucro de R$ 99,185 milhões, crescimento de 107,6%.

Assaí (ASAI3) reportou queda de 10,8% em seu lucro líquido, para R$ 214 milhões, ante R$ 240 milhões no mesmo período do ano passado. A receita líquida, entretanto, avançou 21%, batendo a casa dos R$ 11,4 bilhões.

O varejista Grupo Mateus (GMAT3) encerrou o primeiro trimestre (1T22) com lucro líquido de R$ 199 milhões, alta de 27,2% em um ano. Outro destaque positivo da companhia foi a abertura de 16 lojas no período. 

Mitre (MTRE3) reportou lucro líquido recorrente de R$ 17,3 milhões no primeiro trimestre (1T22), aumento de 50,7% na comparação anual. O indicador é calculado o através da subtração do efeito do Total Return Equity Swap (TRS), que está refletido no resultado financeiro, do lucro líquido, que foi de R$ 8,1 milhões no período.

Via e Méliuz

Via (VIIA3) encerrou o primeiro trimestre de 2022 com lucro líquido contábil de R$ 18 milhões no primeiro trimestre de 2022, queda de 90% ante mesmo período do ano passado. Já o lucro líquido operacional foi de R$ 86 milhões, queda de 52,2% na comparação com os R$ 180 milhões do mesmo ciclo do ano passado.

Méliuz (CASH3) encerrou o primeiro trimestre de 2022 com prejuízo de R$ 6,5 milhões ante lucro líquido de R$ 3 milhões registrados no ano passado. As receitas líquidas saíram de R$ 51 milhões para R$ 90 milhões, alta de 73% ante mesmo período do ano passado.

Receba as newsletters do Money Times!

Cadastre-se nas nossas newsletters e esteja sempre bem informado com as notícias que enriquecem seu dia! O Money Times traz 8 curadorias que abrangem os principais temas do mercado. Faça agora seu cadastro e receba as informações diretamente no seu e-mail. É de graça!

Editor
Jornalista formado pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), com MBA em finanças pela Estácio. Colaborou com revista Veja, Estadão, entre outros.
Linkedin
Jornalista formado pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), com MBA em finanças pela Estácio. Colaborou com revista Veja, Estadão, entre outros.
Linkedin
Giro da Semana

Receba as principais notícias e recomendações de investimento diretamente no seu e-mail. Tudo 100% gratuito. Inscreva-se no botão abaixo:

*Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.