Leia os avisos legais em avenue.us. Intermediação Coin DTVM

Cogna, ex-Kroton, tem queda no lucro do 3º trimestre; tombo anual de 62,2%

13/11/2019 - 9:46
Empresa afirmou que o lucro líquido do terceiro trimestre foi de 135 milhões de reais (Imagem: Reuters/Paulo Whitaker)

O grupo de educação Gogna Educação (COGN3), anteriormente conhecido como Kroton, teve lucro líquido ajustado de 208,6 milhões de reais no terceiro trimestre, uma queda de 41,6% sobre o resultado de um ano antes, mas afirmou que espera cumprir suas estimativas de desempenho para o ano ao prever um resultado dos três últimos meses de 2019 bastante forte.

A companhia afirmou que o desempenho do terceiro trimestre foi impactado por maiores despesas financeiras por causa de dívida contraída para aquisição da Somos, aumento de níveis de depreciação e amortização e menor resultado operacional “dadas às pressões de base verificadas no ensino superior e à diferente sazonalidade do Programa Nacional do Livro Didático (PNLD) no ensino básico”.

Desconsiderando as receitas de recompras de livros do PNLD, a empresa afirmou que o lucro líquido do terceiro trimestre foi de 135 milhões de reais, um tombo de 62,2% na base anual.

A empresa havia afirmado no final de outubro que vendeu 52 milhões de livros no PNLD de 2020 e que o faturamento corresponderia a 408 milhões de reais, dos quais 20 milhões a seriam registrados no terceiro trimestre.

O resultado operacional da empresa recuou 11,3% no terceiro trimestre na comparação anual, para 610,6 milhões de reais. O resultado financeiro veio negativo em 246 milhões ante 58,3 milhões em despesas um ano antes.

Na última terça-feira, a rival Ydqus, mais conhecida como Estácio, também divulgou balanço trimestral

A Cogna terminou setembro com captação de 64 mil alunos de ensino presencial de graduação, estável sobre o terceiro trimestre de 2018. A evasão, porém, subiu 1 ponto percentual, para 13,9% e a base encolheu 7,4%, para 341,95 mil estudantes.

No ensino a distância, a empresa registrou crescimento de 2,1 por cento na captação, estabilidade na evasão e queda de 3,7% na base de alunos.

Em pós-graduação, a captação subiu 33,8% para 13,5 mil alunos.

O resultado da Cogna foi divulgado um dia depois que a rival Yduqs (YDUQ3) também divulgou queda no lucro do terceiro trimestre, mas com crescimento de 20% na captação de alunos de ensino presencial e expansão de 60% no ensino à distância. Não ficou imediatamente claro se os números são comparáveis com os reportados pela Cogna.

A Cogna divulgou ainda no balanço que teve lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) pro forma de 623,1 milhões de reais no terceiro trimestre, alta de 9,1% na base anual.

A margem, porém, recuou 9,9 pontos percentuais, saindo de 45,7% no mesmo período de 2018 para 35,7% nos três meses encerrados em setembro.

Analistas, em média, esperavam lucro líquido de 281,95 milhões de reais para a Cogna e Ebitda de 634 milhões, segundo dados da Refinitiv. Não ficou imediatamente claro se os números são comparáveis.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro?

Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.

Última atualização por Lucas Eurico Simões - 13/11/2019 - 9:47

Cotações Crypto
Pela Web