Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView
Cotações por TradingView

Como os ganhadores da segunda “mega-sena” da China estão usando a criptomoeda?

16/12/2020 - 9:28
Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento
Entenda como cidadãos da cidade de Suzhou estão usando a criptomoeda da China em comércios e lojas locais (Imagem: Weibo/Jiangsu TV)

Ganhadores da loteria de US$ 3 milhões em envelopes vermelhos com o yuan digital na cidade chinesa de Suzhou agora podem gastar a moeda digital emitida por banco central (CBDC) local, a DC/EP (“moeda digital/pagamento eletrônico”).

Vídeos de um programa estatal sobre o teste mostram que residentes que ativaram a carteira DCEP podem pagar não apenas via código QR, como também via sensores, apenas ao encostar seus smartphones em um dispositivo do comerciante.

Clique aqui e entenda por que o teste da DCEP em Suzhou é diferente do teste realizado em Shenzhen em outubro.

O recurso de contato, com ou sem conexão à internet, é uma característica que diferencia as transações da DCEP de grandes serviços de pagamentos digitais como AliPay ou WeChat Pay, em que pagamentos só podem ser realizados via código QR.

Cinco segundos

Segundo uma reportagem do jornal Jiangsu TV, um residente local cujo sobrenome é Wu, comprou um produto em uma loja física da JD.com em Suzhou, na província de Jiangsu — logo após o teste com a DCEP ter oficialmente começado em 11 de dezembro.

O vídeo mostra que, após a ativação de sua carteira DCEP e escolha do recurso de aproximação, Wu encostou seu celular com um dispositivo com sensor para o yuan digital instalado na loja da JD.

Pagamentos por aproximação ou código QR são possíveis com a carteira DCEP (Imagem: Weibo/Jiangsu TV)

A interface em seu celular instantaneamente redirecionou a uma página onde ele poderia digitar o preço e realizar o pagamento.

O recurso por aproximação existe junto com o pagamento via código QR que também possuem suporte no teste de Suzhou.

Código QR é o único método de pagamento nas gigantes empresas de pagamentos digitais AliPay ou WeChat Pay, onde usuários ou escaneiam o código QR de um comerciante ou pedem que o comerciante escaneie seu código QR de pagamento para realizar transações.

Porém, a funcionalidade por aproximação da DCEP só pode ser testada entre um ganhador da loteria e um comerciante. Nesta etapa, residentes não podem enviar DCEP entre si ao aproximarem seus smartphones.

Além da aproximação de dispositivos com conexão à internet, o teste de Suzhou apresentou um teste restrito para transações off-line, em que smartphones se aproximam, mesmo sem acesso à internet.

Transações off-line, por aproximação, também permitem que cidadãos gastem seus yuans digitais (Imagem: Weibo/Jiangsu TV)

O mesmo vídeo do Jiangsu TV mostra que uma cliente testou um pagamento de 7,9 yuan (cerca de US$ 1,20), ao encostar seu smartphone atrás do smartphone do comerciante enquanto ambos os dispositivos estavam com o sinal de dados ou de WiFi desligado.

Parece que o processo de transação off-line levou cerca de cinco segundos, conforme mostrado no vídeo.

Subcarteira DCEP

Outra nova funcionalidade no teste em Suzhou é a função de notificação de uma subcarteira, que ativa o gasto da DCEP em lojas on-line.

Um vídeo do Beijing News mostra que se usuários de Suzhou quiserem gastar seu yuan digital no aplicativo móvel da JD.com, podem tocar na parte superior à direita de suas carteiras DCEP para ativar uma notificação (ou “push”) de subcarteira.

Em seguida, aparecerá uma opção de pagamento em DCEP em seu aplicativo da JD.com.

Notificação de subcarteira DCEP (Imagem: The Beijing News)

JD.com afirmou ter recebido quase 20 mil solicitações com DCEP nas primeiras 24 horas após o teste em Suzhou ter começado.

Além da JD.com, três grandes empresas chinesas de internet estão participando do teste: o aplicativo de transporte de passageiros DiDi, o aplicativo de delivery de comida Meituan e a plataforma de streaming de vídeos Bilibili.

Na verdade, o vídeo do Beijing News mostra que outras funções de notificação de subcarteira para Meituan e Didi estão disponíveis se usuários ativaram suas carteiras DCEP com o Banco Industrial e Comercial da China (ICBC).

Vem mais por aí

O teste na cidade de Suzhou terminará no dia 27 de dezembro e yuans digitais não gastos serão recolhidos pelo governo.

Dito isso, outro vídeo do Jiangsu TV indicou que mais DCEP em envelopes vermelhos chegarão a Suzhou em quantias diferentes em diversos festivais no futuro, incluindo o Solstício de Inverno, o Ano Novo, o Ano Novo Lunar, bem como o Festival das Lanternas.

Falando sobre sua experiência até agora, uma cliente, srta. Ma, disse ter achado o pagamento off-line “bem conveniente”, principalmente em ocasiões em que o sinal de celular pode estar fraco ou não estiver disponível.

Um comerciante, sr. Ma, disse que uma vantagem para ele, como comerciante, é que não existe taxa de transação se ele desejar converter sua DCEP para sua poupança bancária.

Em comparação, não existe taxa de cobrança quando usuários chineses enviam dinheiro para suas carteiras da AliPay ou WeChat Pay a partir de suas contas bancárias.

Porém, existe uma taxa de transação de 0,1% se desejarem transferir fundos de suas carteiras da AliPay ou WeChat Pay para suas contas bancárias.

Ma disse que sua loja vendeu cerca de 600 yuans (ou US$ 90) equivalentes em bens, em sete ou oito transações com DCEP, em poucas horas após o início do teste em Suzhou.

“É como se fosse dinheiro, mas com uma carteira móvel para que fundos entrem e saiam”, disse Ma sobre sua experiência. “E não existe tava de transação se eu movimentar os fundos da DCEP para minha conta bancária.”

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
theblockcrypto.com © 2020 - The Block Crypto, Inc. All rights reserved. Todos os direitos reservados.

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 16/12/2020 - 9:28