Criptomoedas podem atuar como uma reserva eletrônica de valor, afirma Banco de Cingapura

26/01/2021 - 8:31
Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento
Criptomoedas ainda precisam superar diversos desafios, incluindo a confiança, a volatilidade e a aceitação regulatória para serem consideradas como um ativo significativo em portfólios de investidores, afirma Mohi-uddin (Imagem: Pixabay/vjkombajn)

Um dia, criptomoedas poderão atuar como um tipo de reserva eletrônica de valor, segundo um artigo escrito por Mansoor Mohi-uddin, economista-chefe do Banco de Cingapura.

O Banco de Cingapura é uma unidade do segundo maior banco do país, o OCBC.

Mohi-uddin afirma que é provavelmente que criptomoedas se tornem mais amplamente aceitas como reservas de valor: “no futuro, o dinheiro digital pode competir com o ouro como um possível ativo de segurança”.

No artigo, Mohi-uddin expressa essa afirmação ao declarar ser improvável que o bitcoin e outras criptomoedas tenham um grande papel como meio de troca:

O impressionante rali do bitcoin está a par de grandes crescimentos de investimento das últimas décadas, incluindo o ouro na década de 1970, as ações japonesas em 1980, as ações de internet em 1990, preços do petróleo nos anos 2000 e empresas de tecnologia em 2010. 

Porém, é muito improvável que criptomoedas substituam moedas nacionais como o meio de troca principal de uma economia

Em vez disso, ao longo do tempo, o dinheiro digital poderá substituir parcialmente o ouro ao fornecer uma reserva de valor eletrônica — em vez de física.

É mais importante o bitcoin ser uma reserva de valor
ou um sistema de pagamentos?

Segundo Mohi-uddin, criptomoedas ainda precisam superar diversos desafios, incluindo a confiança, a volatilidade e a aceitação regulatória para serem consideradas como um ativo significativo em portfólios de investidores.

Mohi-uddin também afirma que mudanças recentes na esfera regulatória dos EUA também podem ser positivas para a adesão das criptomoedas. Em termos de regulamentação, reguladores americanos podem se tornar mais receptivos às criptomoedas.

Gary Gensler, ex-presidente da Comissão de Negociação de Futuros de Commodities (CFTC), foi nomeado como o próximo presidente da Comissão de Valores Mobiliários e de Câmbio dos EUA (SEC).

De acordo com o artigo, sua nomeação pode resultar em um investimento mais amplo em criptomoedas, bem como na aprovação de produtos focados em cripto, como um fundo negociado em bolsa (ETF) para o bitcoin ou outra criptomoeda.

“Isso forneceria um veículo de investimento confiável e seguro, permitindo que novos participantes entrassem para o setor de criptomoedas, melhorando a liquidez, reduzindo a volatilidade e ajudando a lidar com riscos reputacionais”, explica o artigo.

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Autorizo o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
theblockcrypto.com © 2020 - The Block Crypto, Inc. All rights reserved. Todos os direitos reservados.

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 26/01/2021 - 8:31

Pela Web