LCA: Entenda o que é e como funciona o investimento

18/12/2021 - 10:00
Terra Santa LAND3
A LCA é um tipo de investimento de renda fixa que tem como objetivo financiar um crédito para operações no setor agrícola (Imagem: Divulgação/LinkedIn/Terra Santa Propriedades Agrícolas)

Dentro do universo dos investimentos, há uma infinidade de ativos disponíveis para a compra. As Letras de Crédito Agrícola são um desses vários títulos de renda fixa disponíveis no mercado. 

Com características próprias, e outras muito comuns, as LCAs podem ser opções muito interessantes de investimento. 

O Money Times preparou um guia para quem quer conhecer melhor esses ativos. Quer saber se eles se encaixam na sua carteira de investimentos? Acompanhe esta matéria!

O que é LCA?

A LCA, ou Letra de Crédito do Agronegócio, é um tipo de investimento de renda fixa. Trata-se de um título emitido por bancos, ou outra instituição financeira regulamentada para tanto, que tem como objetivo financiar um crédito para operações no setor agrícola. 

Na prática, este é um empréstimo feito a cooperativas ou produtores agrícolas. Os serviços incluem financiamentos para a produção, comercialização ou industrialização de produtos ou insumos, ou ainda a compra de ferramentas e outros equipamentos utilizados para a produção no campo.

Como funciona a LCA?

As LCAs funcionam, de modo geral, de maneira semelhante a outros investimentos de renda fixa. Assim como os CDBs (Certificados de Depósito Bancário), por exemplo, as instituições financeiras pegam um empréstimo dos investidores e, após um período, eles recebem o dinheiro de volta com juros

A única especificidade, no caso de Letras de Crédito Agrícola, é que o empréstimo é direcionado para um tipo de atividade pré definida. 

LCA rendimento: como é calculado?

Esses papéis têm uma rentabilidade que também acompanha a lógica dos demais investimentos de renda fixa: prefixados ou pós-fixados.

Os títulos prefixados definem uma taxa de juros no momento da sua compra, ou seja, é possível saber exatamente quando eles irão render e em quanto tempo, considerando o momento de vencimento.

Já os títulos pós-fixados têm uma rentabilidade que acompanha determinado indicador financeiro, normalmente o CDI (Certificado de Depósito Interbancário) ou a taxa Selic (taxa básica de juros)

O retorno financeiro dessas aplicações varia de acordo com as oscilações do indicador. E normalmente, esse retorno representa um percentual do indicador de referência, como 90% ou 100% do CDI ao ano. 

Uma possibilidade de LCA pós-fixada é aquela atrelada à inflação. Esses títulos acompanham a variação medida pelo IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), mais uma taxa de juros pré combinada no momento da compra, como IPCA + 5%, por exemplo.

LCI e LCA: entenda a diferença

Outro investimento que se parece muito com as LCAs, e é constantemente comparado com os títulos agrícolas, são as LCIs, Letras de Crédito Imobiliário. Ambos os títulos funcionam de maneira muito semelhante, com empréstimos feitos por investidores a um fim específico, emitido por um banco, e posteriormente devolvido com juros. 

No entanto, as LCIs são usadas para financiar o crédito imobiliário dos clientes dos bancos. Além disso, há diferenças próprias para cada título, como o valor mínimo que precisa ser investido, a rentabilidade e o vencimento.  

Vantagens e riscos de investir em LCAs

A principal vantagem dos papéis de LCA é a isenção de Imposto de Renda (IR), ou seja, não é preciso descontar nada da rentabilidade obtida com o investimento.

Normalmente, os produtos financeiros de renda fixa possuem uma tributação regressiva. Ou seja, depois de seis meses investido, há uma taxa de 22,5% de IR, mas depois de dois anos, a alíquota cai para 15%. 

Além disso, a compra de papéis LCA expõe o investidor aos riscos da instituição emissora dos mesmos, isto é, o banco. Assim, se o banco apresentar algum problema financeiro, qualquer que seja, os investidores também serão impactados.

Mas a boa notícia é que há o Fundo Garantidor de Créditos (FGC), que oferece até R$ 250 mil para os investidores, relativo ao valor aplicado, caso a instituição onde seu dinheiro esteja venha a quebrar.

Apesar dos pontos levantados, um aspecto negativo desse investimento é a falta de liquidez desses ativos. Comparados a outros produtos de renda fixa, há uma dificuldade maior para sacar as LCAs a qualquer momento. 

O prazo mínimo para retirar o dinheiro investido é de 90 dias para produtos pré e pós-fixados, enquanto para as letras atualizadas anualmente a partir de um índice, o prazo é de 12 meses. 

Contudo, esse é o prazo de carência, que é a possibilidade de resgatar o dinheiro antes do vencimento. Para esperar o valor render o máximo possível, os prazos costumam variar de um a três anos. 

Como investir em LCAs?

Para investir em LCAs, assim como em qualquer outro tipo de investimento, é preciso primeiramente entender seus objetivos pessoais, para então avaliar se ele faz sentido dentro da sua carteira. 

Como foi visto em “Vantagens e riscos”, é preciso ponderar a ausência de tributação de IR com o tempo necessário para o vencimento do produto. Por isso, é muito importante avaliar se vai ser possível passar o tempo do vencimento da LCA sem o valor investido, e se ele se encaixa nos projetos financeiros pessoais do investidor. 

Como declarar LCA?

Ainda que isento de Imposto de Renda, qualquer pessoa que tenha títulos de LCA em carteira precisa declarar eles. Os ganhos com esse investimento devem aparecer para a Receita Federal, em uma ficha de “Rendimentos Isentos e Não Tributáveis”. 

Dentro dessa aba, selecione a opção 12 “ Rendimentos de caderneta de poupança, letras hipotecárias, letras de crédito do agronegócio (LCA) e imobiliário (LCI) e certificados de recebíveis do agronegócio e imobiliário”. 

É preciso declarar o saldo investido e os dados da instituição financeira responsável pelo título. Além disso, para cada produto financeiro com dinheiro investido, é necessária uma declaração própria, o que pode exigir realizar esse processo mais de uma vez, conforme a carteira de investimentos.

Última atualização por Lucas Eurico Simões - 18/12/2021 - 10:21

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado agro?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.