Receita pela mineração de ether supera a do bitcoin pelo terceiro mês consecutivo

02/08/2021 - 12:36
Traduzido e editado por Vitória Tonetti Martini
ethereum mineração cripto
Diferença nas receitas obtidas pelas redes das duas principais criptomoedas é de quase US$ 30 milhões (Imagem: Unsplash/Executium)

Mineradoras de ether (ETH) têm visto maiores receitas da rede que as mineradoras de bitcoin (BTC) por três meses consecutivos, o que corresponde ao maior período da história. 

De acordo com o primeiro gráfico elaborado pelo The Block, mineradoras de ether geraram US$ 1,03 bilhão em receita durante o mês de julho, uma pequena queda em relação ao mês anterior. 

Já o segundo gráfico mostra que as mineradoras de bitcoin geraram US$ 971,8 milhões em receita nesse mesmo período, o que representa um aumento de US$ 100 milhões em comparação com o mês de junho. 

Embora as taxas de transação tenham permanecido uma fonte significativa de renda para mineradoras da Ethereum, o mesmo não pode ser afirmado para a rede Bitcoin. As taxas de transação representam somente 3,1% da receita do bitcoin no mês passado.

A receita de mineração cripto é uma estimativa em dólar dos rendimentos obtidos por mineradoras de blockchain.

O valor é calculado por meio da soma das recompensas atuais de mineração com as taxas de transação por bloco, multiplicando esse resultado pelo preço do ativo durante o mês. O cálculo não leva em conta os custos, como eletricidade, outras despesas de operação ou taxas pagas pelas mineradoras.

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
theblockcrypto.com © 2020 - The Block Crypto, Inc. All rights reserved. Todos os direitos reservados.

Última atualização por Vitória Tonetti Martini - 02/08/2021 - 12:36

Cotações Crypto
Pela Web