Reguladores de Pequim fecham empresa que fornecia serviços de negociação cripto

06/07/2021 - 9:16
Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento
Órgãos governamentais em toda a China continuam suspendendo atividades relacionadas a qualquer aspecto que envolva criptomoedas (Imagem: Unplash/zhangkaiyv)

Dois reguladores financeiros na capital chinesa de Pequim tomaram medidas para suspender atividades afiliadas a empresas cripto.

O Departamento Comercial de Administração do Banco do Povo da China (PBoC, na sigla em inglês) e o Departamento de Supervisão Financeira e de Administração emitiram uma declaração em conjunto nesta terça-feira (6), alertando sobre os riscos de atividades de negociação cripto.

O Departamento Comercial de Administração do PBoC é o principal departamento em Pequim do banco central chinês, que possui mandatos, incluindo políticas monetárias e garantia da estabilidade financeira na capital.

Desativando a empresa

Os dois órgãos regulatórios afirmaram que, recentemente, suspenderam uma empresa pouco conhecida chamada Beijing Qudao Cultural Development Limited, acusada de “fornecer serviços de software para atividades de negociação cripto”.

Após a suspensão do governo, a empresa foi desativada e seu site suspenso, segundo os departamentos.

Com base em registros comerciais chineses, Beijing Qudao foi incorporada em 2016 e operava nos setores de marketing, relações públicas, agenciamento de modelos e entretenimento.

Além disso, as duas reguladoras municipais alertaram que entidades sob sua competência judicial não devem fornecer serviços, como premissas comerciais, exibições de anúncios, marketing ou tráfego on-line pago.

Instituições financeiras e de pagamento sob sua jurisdição não devem fornecer a clientes serviços direta ou indiretamente relacionados a transações cripto.

A iniciativa dos reguladores de Pequim vem semanas após o PBoC ter ordenado que bancos comerciais nacionais suspendessem o canal de pagamentos em moedas fiduciárias para mesas de mercado de balcão (OTC) cripto.

As recentes iniciativas regulatórias surgiram após um comentário feito sobre a repressão a atividades de negociação e mineração de bitcoin (BTC) do Conselho do Estado da China, o gabinete central do governo do país.

O comentário já resultou na suspensão de quase todas as atividades de mineração de bitcoin na China.

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
theblockcrypto.com © 2020 - The Block Crypto, Inc. All rights reserved. Todos os direitos reservados.

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 06/07/2021 - 9:16

Cotações Crypto
Pela Web