Colapso de Terra (LUNA) será seguido por mais fracassos em cripto, diz presidente da SEC

Vitória Martini
19/05/2022 - 10:26
Terra LUNA
Além do presidente da SEC, o colapso de Terra foi comentado também por Janet Yellen. (Imagem: Reuters/Evelyn Hockstein/Pool)

O presidente da Comissão de Valores Mobiliários e de Câmbio (SEC, a CVM americana), Gary Gensler, expressou suas preocupações quanto ao mercado de criptomoedas, após o colapso da rede Terra e de seu token de governança (LUNA) e de sua stablecoin, TerraUSD (UST).

Após participar de uma audiência na quarta-feira (18), Gensler disse a repórteres que acredita que “muitos desses tokens irão fracassar”, segundo o Business Insider.

“Temo que, em cripto, haverá muitas pessoas afetadas, e isso irá comprometer um pouco da confiança nos mercados e a confiança nos mercados em grande escala”, acrescentou o presidente da SEC.

Os tokens de Terra entraram em colapso depois que a stablecoin algorítmica UST perdeu sua paridade com o dólar. Tanto LUNA quanto UST despencaram abaixo de zero, com a primeira cotada a US$ 0,0001356, no momento de publicação desta notícia, enquanto UST estava cotada em US$ 0,08947.

De acordo com o Business Insider, estima-se que a queda livre dos tokens de Terra gerou uma perda superior a US$ 50 bilhões no mercado.

“A recente volatilidade nos mercados de criptomoedas destaca os riscos ao público investidor”, afirmou Gensler.

“O marketplace altamente volátil e especulativo de cripto cresceu rapidamente, atraindo milhões de investidores e negociadores americanos”, acrescentou.

Gary Gensler tem defendido um aumento na regulamentação e supervisão do mercado cripto, e solicitou um aumento no orçamento da Comissão para monitorar essa indústria.

No início deste mês, a SEC quase dobrou o quadro de funcionários de sua unidade de supervisão de criptoativos, acrescentando 20 pessoas ao grupo, “responsáveis por proteger investidores em mercados cripto e de ameaças cibernéticas”.

Colapso de Terra (Luna) e queda do bitcoin (BTC):
4 impactos concretos na economia real

Terra será a “fênix” do mercado cripto?

Depois da queda praticamente absoluta de Terra, o fundador da rede e CEO de Terraform Labs, Do Kwon, anunciou um plano para ressuscitar a rede, no início desta semana.

O novo plano de Do Kwon propõe a bifurcação do blockchain em uma nova rede, que se chamará “Terra”, com o token LUNA, enquanto o antigo blockchain se tornaria “Terra Classic”, e o token LUNA original passaria a ser chamado “Luna Classic” (LUNC).

“Fork” é um termo usado para designar a mudança na estrutura de um blockchain. Neste caso, a mudança seria muito significativa, visto que seria como começar um blockchain do início.

A proposta do fundador de Terra foi colocada em votação ontem no fórum de governança da rede. São necessários 188 milhões de LUNA para que a bifurcação do blockchain seja aprovada.

Receba as newsletters do Money Times!

Cadastre-se nas nossas newsletters e esteja sempre bem informado com as notícias que enriquecem seu dia! O Money Times traz 8 curadorias que abrangem os principais temas do mercado. Faça agora seu cadastro e receba as informações diretamente no seu e-mail. É de graça!

Disclaimer

O Money Times publica matérias informativas, de caráter jornalístico. Essa publicação não constitui uma recomendação de investimento.

Última atualização por Tamires Vitorio - 19/05/2022 - 10:26

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado cripto?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto