ImóvelTimes

Fundo imobiliário dispara 18%, ano no vermelho, melhores e piores de fevereiro

28 fev 2023, 18:22 - atualizado em 28 fev 2023, 18:23
Fundos Imobiliários
Índice de fundos imobiliários dispara no pregão, mas fecha praticamente estável e engata segundo mês de queda (Imagem: Divulgação/Alianza)

Todo mês de Carnaval tem seu fim e fevereiro vai embora, talvez, sem deixar saudades para os fundos imobiliários.

O mês foi mais curto, mas o suficiente para trazer abalos ao setor em meio à inadimplência de gigantes do varejo. O atraso do pagamento de aluguel pela Americanas (AMER3) já era esperado, em meio à recuperação judicial da companhia.

As surpresas vieram da Tok&Stok e da Lojas Marisa (AMAR3) que também atrasaram os pagamentos de janeiro com vencimento este mês. Seis fundos imobiliários expuseram ao mercado a situação com as varejistas.

  • Entre para o Telegram do Money Times!
    Acesse as notícias que enriquecem seu dia em tempo real, do mercado econômico e de investimentos aos temas relevantes do Brasil e do mundo. Clique aqui e faça parte!

Índice de fundos imobiliários

Contudo, o índice de fundos imobiliários (Ifix) da B3 fechou praticamente estável, após disparar mais de 0,6% ao longo do pregão desta terça-feira (28).

Ainda assim, segue acima dos 2.800 pontos – marca perdida no começo do mês. Porém, o Ifix fechou com ligeira alta de 0,01%, aos 2.808 pontos.

Entre os fundos imobiliários, a maior alta foi do CSHG Real Estate (HGRE11), que subiu 3% no pregão. Por outro lado, a maior queda foi do Riza Terrax (RZTR11), com recuo de 4,03%.

Destaques do mês

Apesar do movimento de hoje acender uma esperança de que o Ifix pudesse reverter as perdas exibidas ao longo do mês, acabou encerrando fevereiro em queda de 0,45%. Foi o segundo mês seguido de sinal negativo.

O destaque de alta foi o fundo imobiliário Versalhes Recebíveis (VSLH11) que disparou 18,54%. Entretanto, o Brazilian Graveyard and Death Care (CARE11) teve o pior desempenho do mês, com tombo de 12,20%.

Os 5 melhores FIIs de fevereiro

Fundo Ticker Variação
Versalhes Recebíveis VSLH11 18,54%
JS Real Estate JSRE11 5,67%
RBR Rendimento High Grade RBRR11 5,45%
Mérito Desenvolvimento RBRL11 5,40%
Kinea High Yield KNHY11 3,83%

Os 5 piores FIIs do mês

Fundo Ticker Variação
Brazilian Graveyard and Death Care CARE11 -12,20%
Hectare CE HCTR11 -10,07%
Pátria Logística PATL11 -7,33%
Barigui Rendimentos Imobiliários BARI11 -7,14%
Hedge Office Income HOFC11 -6,69%

Repórter
Jornalista mineira com experiência em TV, rádio, agência de notícias e sites na cobertura de mercado financeiro, empresas, agronegócio e entretenimento. Antes do Money Times, passou pelo Valor Econômico, Agência CMA, Canal Rural, RIT TV e outros.
Linkedin
Jornalista mineira com experiência em TV, rádio, agência de notícias e sites na cobertura de mercado financeiro, empresas, agronegócio e entretenimento. Antes do Money Times, passou pelo Valor Econômico, Agência CMA, Canal Rural, RIT TV e outros.
Linkedin
Giro da Semana

Receba as principais notícias e recomendações de investimento diretamente no seu e-mail. Tudo 100% gratuito. Inscreva-se no botão abaixo:

*Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.