Rumo: Por que a Ágora cortou o preço-alvo da ação

Lucas Eurico Simões
25/11/2021 - 8:31
Rumo
Custos mais altos com combustíveis e despesas com folha de pagamento levaram a revisões sobre o preço-alvo da Rumo (Imagem: Divulgação/ Rumo)

A Ágora Investimentos cortou o preço-alvo das ações da Rumo (RAIL3) de R$ 27 para R$ 25, mantendo a recomendação de compra.

Até o final de 2022, a corretora estima potencial de valorização de 42% para a Rumo, levando em conta o valor de fechamento a R$ 17,55 nesta quarta-feira (24).

“Custos mais altos de combustível e despesas com folha de pagamento levaram a revisões”, explicam os analistas Victor Mizusaki e José Cataldo.

A Ágora explica que, levando em conta esses fatores, aumentou em 0,7 ponto percentual a taxa de desconto em seu modelo de fluxo de caixa, para 9,8%.

O cálculo da estimativa de lucro líquido da Rumo no acumulado de 2021 foi alterado de R$ 474 milhões para R$ 415 milhões, queda de 12%, ao incorporar os resultados da companhia durante o terceiro trimestre.

Última atualização por Kaype Abreu - 25/11/2021 - 8:31

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado agro?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto
Pela Web