Binance US deseja lançar IPO nos EUA, afirma Changpeng Zhao

23/07/2021 - 12:47
Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento
Binance US é uma versão reduzida da corretora “original”, com requisitos mais rigorosos, menos pares de negociação e sem negociação em margem para atender o mercado americano (Imagem: Binance/Blog)

A corretora de criptomoedas Binance.US pode ser listada em bolsa, afirma Changpeng Zhao (ou CZ), CEO da Binance.

“Nossa parceira nos EUA está analisando um possível caminho para uma IPO [oferta inicial de moeda]”, disse Zhao durante o evento Redefine Tomorrow desta sexta-feira (23), organizado pela SCB 10x — unidade de capital de risco do Siam Commercial Bank, o banco mais antigo da Tailândia.

Porém, o caminho da IPO, segundo ele, ainda não está “100% definido”.

Após a listagem da Coinbase (COIN) na Nasdaq em abril, os EUA agora possui um ecossistema onde empresas cripto podem abrir capital, de acordo com CZ. Na verdade, diversas empresas americanas de cripto, como Gemini, Kraken e Circle, querem fazer justamente isso.

Em relação à própria Binance, CZ disse que uma IPO não está dentre seus planos imediatos mas que, no futuro, isso pode mudar. É uma mudança importante em relação ao que CZ havia dito em uma entrevista ao The Block este ano.

Na época, ele afirmava que a Binance buscava por um “caminho” mais nativo a cripto no futuro, ou seja, visava expandir o uso de seu “utility token”, a binance coin (BNB), em vez de realizar uma IPO tradicional.

Porém, antes de a própria Binance abrir capital, precisará mudar sua estrutura comercial, segundo Zhao, porque grande parte de seus reguladores querem que a corretora tenha uma sede principal, um escritório ou uma entidade legal.

“Estamos configurando essas estruturas”, disse ele. “Quando estiverem implementadas, uma IPO será algo bem mais fácil de acontecer. Então, não está fora de questão. Porém, agora, ainda estamos nas etapas iniciais.”

Iniciativas de compliance

Agora, o setor cripto está “relativa e amplamente regulamentado”, segundo CZ. Para tal, a Binance precisa fazer uma grande migração, de uma startup de tecnologia para uma empresa de serviços financeiros”, explicou CZ.

Neste momento, cripto ainda é “amplamente considerado como um tipo de ativo financeiro. Temos de considerá-lo como tal e temos de operar a empresa dessa forma”, afirmou ele.

Dada a crescente atenção regulatória, a Binance também está intensificando suas iniciativas de compliance, disse Zhao.

“Estamos contratando muitas pessoas envolvidas com compliance do mercado tradicional, bem como ex-reguladores” para melhorar a comunicação da Binance com essas autoridades, garantiu CZ. Ele reconheceu que, atualmente, a comunicação com reguladores não é um dos principais pontos fortes.

Na verdade, CZ quer encontrar um novo diretor-executivo (CEO) para a Binance — alguém que ele acredite que tenha uma “experiência regulatória muito forte”.

Em entrevista ao The Block, ele havia mencionado planos de renunciar ao cargo de CEO para que, entre os próximos dois e cinco anos, ele possa focar completamente na ampliação dos ecossistemas do token BNB e do Binance Smart Chain. Agora, esses planos parecem bem mais sólidos.

Há tempos, a Binance esteve sujeita ao controle regulatório, com um crescente foco nas últimas semanas. Recentemente, agências governamentais nos EUA, Reino Unido, Japão, Itália, Tailândia, Polônia,  Ilhas Cayman e Brasil emitiram alertas ou tomaram medidas contra a corretora.

Novo! Receba Grátis a Newsletter
Crypto Times
Uma newsletter que minera informação para você!

Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
theblockcrypto.com © 2020 - The Block Crypto, Inc. All rights reserved. Todos os direitos reservados.

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 23/07/2021 - 12:52

Cotações Crypto
Pela Web