Brasileira Foxbit inclui token cardano (ADA) em sua plataforma

Daniela Pereira do Nascimento
26/08/2021 - 11:20
Com a grande expectativa em torno dessa atualização, investidores têm dado atenção especial ao token ADA, que já valorizou mais de 160% em pouco mais de um mês (Imagem: Twitter/Foxbit)

A Foxbit, uma das maiores e mais antigas corretoras de criptomoedas do mundo, passa a listar o criptoativo cardano (ADA) a partir desta quinta-feira (26).

Criada por Charles Hoskinson um dos cofundadores da rede Ethereum —, o token ganhou muita força nos últimos meses, com uma valorização superior ao do bitcoin (BTC), por conta do recente ciclo de alta.

Já que seus entusiastas chamam a rede de “blockchain de terceira geração”, cardano hoje é o terceiro maior criptoativo em termos de capitalização de mercado — número de ativos em circulação , atrás apenas do bitcoin e do ether (ETH).

Fundada em 2017, Cardano é uma plataforma blockchain proof-of-stake (PoS) que busca resolver problemas de escalabilidade, segurança e robustez para a nova economia.

O diferencial da Cardano é o menor consumo de energia, já que não depende do algoritmo proof-of-work (PoW), ainda utilizado pelos blockchains Bitcoin e Ethereum, que dependem do processo de mineração.

Por meio de sua avançada tecnologia, Cardano disponibiliza alta segurança e sustentabilidade para aplicativos e sistemas descentralizados, além do desenvolvimento de contratos autônomos. Os casos de uso da rede blockchain incluem:

→ educação: emissão de certificados acadêmicos, evitando perdas ou danos a esses documentos;

→ vendas: sistema antifalsificação, garantindo que cada produto vendido seja certificado como original;

→ agricultura: por meio do blockchain, pode contribuir para a certificação e rastreabilidade de toda uma cadeia de suprimento;

→ governo: por meio do serviço de identidade digital, usuários podem ter maior controle de suas credenciais, que podem ser checadas a qualquer hora e em qualquer lugar;

→ finanças: permite a verificação de identidade de novos clientes de instituições financeiras, acelerando e diminuindo custos dos processos administrativos;

→ assistência médica: o sistema pode autenticar e verificar a origem e o caminho na cadeia de suprimento de produtos farmacêuticos, garantindo um maior controle sobre medicamentos que, muitas vezes, são vendidos e falsificados na internet.

O token ADA, desenvolvido para garantir que seus detentores possam participar da operação da rede, permite que usuários tenham direito ao voto em quaisquer alterações propostas ao software do blockchain.

Em 2020, a Cardano implementou a atualização “Shelley”, com o objetivo de tornar seu blockchain “50 a 100 vezes mais descentralizado” do que outras plataformas. Na época, Hoskinson previu que a atualização abriria caminho para que centenas de ativos funcionassem em sua rede.

Atualmente, a Cardano se prepara para permitir a funcionalidade de contratos autônomos e, com isso, abrir caminho para novos aplicativos descentralizados. Isso será feito por meio da bifurcação drástica (ou “hard fork”) Alonzo, que será lançada em 12 de setembro.

Com a grande expectativa em torno dessa atualização, investidores têm dado atenção especial ao token ADA, que já valorizou mais de 160% em pouco mais de um mês.

Gráfico de um ano do par ADA/USD (Imagem: TradingView)

Em um comunicado de imprensa compartilhado com o Crypto TimesJoão Canhada, CEO da Foxbit, justificou a listagem do token ADA:

A Cardano é uma das mais pedidas pelos nossos clientes e, por esse motivo, estamos trazendo essa novidade para a plataforma. Foi a primeira criptomoeda a ser completamente baseada na metodologia científica e vem crescendo a cada dia, mostrando a força da moeda.

“A Foxbit está sempre ouvindo e fazendo o melhor para os seus clientes. Neste mês, conseguimos diminuir bastante as taxas de saque de criptomoedas, além de termos adicionado Axie e Cardano, tokens muito requisitados pelos clientes”, afirmou Ricardo Dantas, co-CEO da Foxbit.

A inclusão da Cardano é uma das 14 listagens que a Foxbit teve ao longo de 2021. Agora, é possível negociar 19 criptoativos em reais na plataforma, além do FTPC34645token de precatório:

criptomoedas: bitcoin (BTC), ether (ETH), litecoin (LTC), XRP;

tokens DeFi: 0x (ZRX), Aave (AAVE), Axie Infinity (AXS), Cardano (ADA), Kyber Network (KNC), NEXOPolkadot (DOT), Synthetix (SNX), Uniswap (UNI), Yearn Finance (YFI);

stablecoins: True USD (TUSD), Tether (USDT).

Total de criptoativos listados na Foxbit (Imagem: Foxbit)

Neste momento, ADA está sendo negociado a US$ 2,61 (ou R$ 14,99).

Última atualização por Daniela Pereira do Nascimento - 26/08/2021 - 11:20

Quer ficar por dentro de tudo que acontece no mercado cripto?
Receba de segunda a sexta as principais notícias e análises. É grátis!
Ao clicar no botão você autoriza o Money Times a utilizar os dados fornecidos para encaminhar conteúdos informativos e publicitários.
Cotações Crypto
Pela Web